DEU NO JORNAL

Em Madri, Dilma Rousseff chamou o discurso de Jair Bolsonaro na Assembleia-Geral da ONU de “vergonha planetária”, que “prejudica a imagem do Brasil em todo o mundo”.

Sim, Dilma Rousseff.

Aquela mesma da saudação à mandioca, das “mulheres sapiens”, da figura oculta que é o cachorro atrás (“o que é muito importante”).

E do “não acho que quem ganhar ou quem perder, nem quem ganhar nem perder, vai ganhar ou perder. Vai todo mundo perder”.

É essa a piada.

* * *

Ceguinho Teimoso se aliou a Dilma e também achou horrível o discurso de Bolsonaro.

Ceguinho e Dilma combinam bastante: os dois raciocinam do mesmo jeito.

Ele votou nela.

Deixe uma resposta