7 pensou em “MORO CELEBRA VENDA DE BENS DE TRAFICANTES

    • Deixemos de ser ufanobolsonaristas desinformados.

      A legislação remete-se a 1986, presidente Sarney, Lei 7.560, aprimorada nos governos subsequentes, de Lula, Dilma e Temer, que criou o Fundo de Prevenção, Recuperação e de Combate às Drogas de Abuso, dispôs sobre os bens apreendidos e adquiridos com produtos de tráfico ilícito de drogas ou atividades correlatas, porra.

      Agora tudo é Bolsonaro, até os poços artesianos do Nordeste, feitos pela Dilma, tem gente repassando os vídeos de 2013 e dizendo que foi Jair Messias Bolsonaro.

      Os auxiliares querem fazer crer que Jair Messias Bolsonaro transpôs as águas do rio São Francisco. e ainda por cima mandou que se abrissem para os nordestinso atravessarem.

      Estradas feitas há anos agora dizem que o Exército acaba de fazer outro dia mesmo.

      Chama-se a isso o quê? Apropriação indébita? Desonestidade?

      Os bolsominions são ruins de serviço, mermão, e vêm com esses papos cabulosos.

Deixe uma resposta