XICO COM X, BIZERRA COM I

Guardados empoeirados na janela do tempo se aninham no alforje da alma, num cantinho todo especial. Embalados com papel celofone, cor do sol em fim de tarde, os beijos e abraços pululam na varanda da memória enquanto os afetos se aboletam na sala de estar dos sonhos, fazendo a festa para a lua e as estrelas. No quintal em que plantei alegrias hoje colho a ‘bença’ de mãe e a saudade de pai, rezando uma novena pessoal de boas lembranças com uma Salve-Rainha imaginária ao final e um amém sem firmeza, mas em alto e bom som. Dar tantos passos para trás me fez andar outros tantos para frente, cabeça erguida, peito estufado de orgulho pelos caminhos andados, pelos erros corrigidos, pelos amores todos, os já vividos e os por viver (Vinícius ‘tá chegando) … Nas estradas da vida, vou com Deus e não lhe solto a mão, que não sou besta!

Toda a série FORROBOXOTE, Livros e Discos, disponível para compra no site Forroboxote. – Link BODEGA. Entregas para todo o Brasil.

Deixe uma resposta