CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Meu caro Editor,

ontem o Cabaré do Berto recebeu a talentosa poetisa natalense Adélia Costa que falou sobre as quengas que a Bíblia cita. Um show de bola, principalmente pela participação de tantos outros poetas potiguares. Não se deixou de falar de quengas, raparigagem, etc e nem tampouco se perdeu oportunidade de se conhecer o trabalho de Adélia, futura presidente da Sociedade dos Poetas Vivos e Afins do RN.

A conversa se esticou até às 21h05 e tinha vaga para mais. Teve de tudo, inclusive declamação de Flávia Arruda, outra talentosa escritora/poetisa mais ousada do que macaco fazendo cócegas num tigre.

Registramos a presença de Carlito Lima, Neto Feitosa, Edson Paiva, Veridiana Jacome, Ozany Gomes, Flávia Arruda, Arael Costa, o pariceiro Severino Souto, Jesus de Ritinha de Miúdo, Terezinha Araújo, João Joassi, Carlos Domingues, Ivon Sacramento, Patrícia Luiz, Poeta Cleber Torres, Volante Pimentel, Cláudio Wagner, Hélio Fontes, Xico Bizerra, Jussara Maria, Jairo Juruna, Gonçalves Júnior, Edson Xavier, Adônis Oliveira, dentre muitos outros que passaram rapidamente.

Alguns cabarelistas estão nos deixando com saudade, dentre eles, Goiano Braga Horta, Roque Nunes, Renata Duarte, Cícero Tavares, Rodrigo de Leon, Luiz Neto, Magnovaldo Santos, mas a gente entende o grau de ocupação do pessoal e sabe que a ausência é temporária e que dentro em breve esse pessoal vai trazer novas tecnologias e inovações na arte da quengagem e raparigagem.

Finalmente, peço que publique este poema da autoria de Adélia Costa, como uma forma de agradecer a talentosa poetisa.

NÓS

Teu corpo, meu corpo
Cópula, perfeição
Muito-pouco: imensidão
De almas e líquidos: encontros
Juntos: infinito e limite
Aurora, eclipse, clarão
oh, que bela paisagem
Mãos, lábios, verdades
Amor em habitat
Alinhando planetas “meusteus”
Quão suave o trêmulo sussuro
Contrariando a performance
Produzindo órbitas
Momentos únicos
Momentos mágicos
Apagando o trágico
Versificando poemas
Fim do caos
Houve luz
E tudo se fez renovo
Nós

Abaixo, uma amostra da sala com a carinha dos participantes.

R. Meu amigo, só tenho uma coisa a dizer:

A reunião de ontem foi espetacular!

O nosso cabaré ficou muito movimentado e a participação dos fregueses foi muito intensa.

Quem não veio, não sabe o que perdeu.

Parabéns pra você, gerente e organizador de tudo, e para todos os participantes.

Semana que vem tem mais!!!

7 pensou em “MAURÍCIO ASSUERO – RECIFE-PE

  1. Maurino estava todo animado ontem, aí inventou de tomar um Viagra e tomou, por engano, um diazepam. Lascou-se: 19h30, o dito cujo tava feito gato de armazém dormindo em cima do saco.

  2. Grande e glorioso Maurício:
    Estive ausente nas duas últimas sessões devido a questões familiares que aconteceram em dias e horários coincidentes com as atividades cabarelísticas.
    Vou curtir a gravação.
    Um grande abraço,

  3. Pingback: UM MOVIMENTADO CABARÉ | JORNAL DA BESTA FUBANA

  4. Maurício,

    Infelizmente obrigações decorrentes do trabalho me impediram de participar nesses últimos dias. Até para escrever minhas crônicas dar trabalho.

    Mas estou me organizando para não faltar a nenhuma mais.

    Felicito a todos que participaram e animaram o cabaré.

Deixe uma resposta para Assuero Cancelar resposta