DEU NO JORNAL

Rodrigo Constantino

O ministro Gilmar Mendes chamou o governo Bolsonaro e o Exército de “genocidas”, o que é gravíssimo. Ele ultrapassou todos os limites aceitáveis, como já constatei nesta segunda. Gostaria de dizer que fiquei surpreso com a reação da imprensa, mas seria mentira. Vários jornalistas deram um jeito de “passar pano” na fala abjeta do ministro do Supremo.

Só no jornal O Globo temos duas colunas claramente tentando justificar a fala de Gilmar. O mais “tucano” Merval Pereira tentou “consertar” o dito mudando o alvo, inocentando as Forças Armadas e alegando que somente o presidente deveria ser atingido:

Já o mais psolista Bernardo Mello Franco endissou a fala de Gilmar mesmo: “Os militares toparam assumir o Ministério da Saúde de um governo que nega a ciência e sabota o combate à pandemia. Agora se irritam com quem aponta as consequências da decisão”.

No Estadão, Eliane Cantanhede “condenou” o uso da palavra “genocídio”, mas… disse que a crítica em si é legítima:

A banalização desses ataques absurdos de ministros do Supremo ao presidente da República é um enorme perigo para nossas instituições. Enquanto toda crítica feita aos ministros do STF é tratada como “ataque à democracia”, nossos jornalistas dos principais jornais do país tratam com naturalidade um ministro que chama o presidente de genocida. Flávio Gordon foi ao ponto:

São tempos perigosos que estamos vivendo, e o perigo não vem de qualquer retórica autoritária de Bolsonaro, mas sim da postura dos ministros do STF. A reação de parte da imprensa joga mais lenha na fogueira, pois deixa o ódio a Bolsonaro falar mais alto do que o apreço pelas instituições.

17 pensou em “JORNALISTAS PASSAM PANO PARA FALA ABJETA DE GILMAR MENDES

  1. Jair Bolsonaro e seus zeros estão quietos e isso está incomodando demais a patota.

    No cercadinho cada frase mais contundente do JB era vista como um absurdo um atentado aàs instituições.

    Lembram do 03 falando do jeep um cabo e um soldado, da possível volta do AI-5? Foi uma hecatombe mundial.

    Pois agora eles estão quietos e isso incomoda muito.

    O que acontece com Gilmar, Celso, Alexandre, a Carminha (até ela); tem método, são provocações para receber uma resposta enviesada do PR e dos zeros.

    Era para o JB ter respondido esta do Gilmar, porém este exagerou ₢ um pouquinho ₢ na dose e vieram as FFAA para cima dele.

    Tá difícil para a isentolândia aguentar tamanho silêncio.

    No Domingo aqui neste JBF espero um Sr. Chumbo Gordo dar sua versão para as palavras do Gilmar (se der) vai fazer coro com Mevais, Elianes, Bernardos e outros contorcionistas verbais.

    • Caro Romildo, este seu comentário ultrapassou minha capacidade de compreensão.

      Eu humildemente peço que explique-se melhor para poder contemplar o raciocínio. ₢ Se fui fraco demais, podes até desenhar.₢

      • A explicação é a seguinte: O SR Gilmar disse que o Exército estava se associando ao um genocídio. Li em algum lugar na internet que ele falou que o comentário não teria sido para o Exército.

        • Caro Romildo, salvo engano, acho que o que ele falou foi que no comentário não sitou a Marinha ou a Aeronáutica em sua fala, porém falou de Forças Armadas, ou seja, das 3 forças.

          Mas ele falou tanta coisa que não disse coisa com coisa.

    • Caro Joaquim, eu entendi o que v. quis dizer, por muito menos provocações das esquerdas.

      Porém acho que v. vai ter que desenhar. Estilo massinha.

      • A estória que a esquerda agora tenta impingir não passa de um 69 explícito.O que fazem é putaria mesmo. Não fazem história , contam lorotas.

  2. Joaquim Francisco, não sei sua idade. Mas não importa: se não viveu 1964, há livros á vontade sobre o tema. Se centenas de milhares de pessoas marchando em São Paulo são “muito menos”, então nos ensine o que seria “muito mais”.

    • Morava em Santos na época. Lia coisas pois meu pai ligado ao PC nesta época e era ativista. Não vou discutir o pouco que vi , porque vi mesmo . Mas era uma situação complexa , tive que deixar um curso noturno em escola simples que meu pai pagava ,por conta de um colega incendiário , e que não foi punido pelo ato apesar do governo militar . Vi pessoas sendo levadas em caminhões do choque , mas todas ao que eu saiba retornaram a suas casas incólumes , vi (de longe )helicópteros colocando em um navio aportado entre a ilha Barnabé e o cais do Macuco o que disseram serem pessoas, mas nunca soube que tivesse sumido. Mas era situação de guerra interna . Agora , muitos livros como os jornais precisam vender , precisam de público , não importa se mais tarde ao se confrontarem com informações verídicas serão revistos . O dinheiro já entrou . É negócio . Apesar de ser criança na data ,devo acreditar no que passei ,vi e ouvi ou no que alguém pode ao seu bel prazer ter impresso ?. Quanto a marchar veja as manifestações a favor do presidente. São enormes !. Se ele não fosse tão democrático acredito poderia até agir como Erdogan .

      • E Brickmann, Todo mundo por aqui tem direito a se expressar . Mas nem tudo pode obrigatóriamente ser aceito. Quanto a alguns modos , o antigo cabeçalho do jornal reza a forma. Como disse o saudoso Vicente Mateus , saiu na chuva é para se queimar.

  3. fico vendo estas declaracoes , como costuma dizer o jornalista carlos lessa ,do sinistro gilmar mendes, e dos imbecis travestidos de jornalistas que o defendem,nao so a ele , mas as latrinas ambulantes travesstidas de toda a podridao possivel, que tentam afirmar que aquilo que eles dizem ,nao e o que queriam dizer, pois afinal eles costumam falar para pessoas, as quais precisam desenhar , e nao o entendimento fonetico ou visual , e estas mesmas latrinas costumam dizer que bolsonaro e seus ministros, disseram aquilo que eles nao dizem, pois os esquerrdopatas sem os desenhos nao conseguem entender e entao as latrinas ambulantes, teem que entrar em cena para que entendam aquilo que nao foi dito ….. esta esquerdopatia tem que serem tratados por psiquiatra ou medicos que cuidem especificamente de alzaimer , tal a falta de massa cinzenta e memoria que teem ou entao deveriam serem taxados de mentirosos e safados em estado avançado e sem previsao de reversebilidade , pois no caso a moral que necessita para isto, eles nunca a tiveram…

  4. Neste país, cada um fala merda que quer. Gilmar falando, meu gato cagando…é tudo igual. O cheiro é o mesmo. Não sei porque tanta relevância para um juizinho de merda. Ele ainda vai aparecer em Portugal e, somente para rimar, vai ganhar uma camaçada de pau.

  5. Ai como você é burro Gilmar ……. VTC com suas opiniões….. Sinistro fala nos autos !!!!

    Reconhecidamente nosso melhor ministro da Saúde foi um economista e nosso melhor ministro da Fazenda foi um Sociólogo….

    Para ser um bom Ministro basta ser inteligente…. !!!! …. não é o seu caso !!!!!

    Entendeu ou precisa desenhar ???!!!

    Você é apenas mais um dos imbecis, arrogantes e que vão morrer pela boca como Lulla e outros quadrilheiros ……

    Vai trabalhar … !!!!! Tem um monte de processos, não só os do Lulinha guerra e ódio, aguardando julgamento do STF.

    Vai trabalhar pois senão vamos ter a impressão que Weintraub tinha razão ao dizer que os vagabundos do STF ………. ????? ……esqueci o resto …….. ….. rsrsrsrsrsrsrs….

  6. Merdal Pereira, Bernardinho Mela o Frango e Lia Cantanhaca passando pano pra V. Urubuscência Penal-Laxante, GilmaL Bucetossauro (Tu) MenTes é tipo trabalhar no Jurassic Park como catador de bosta.

    Dessa vez limparam um tremendo de um curuzu, cinicamente barroado por um brontossauro.

    Um baita trio de rola-bostas jurássicos.

  7. Os militares já deviam ter enquadrado esses ministros há tempos. Dizer para que cumpram a constituição e a preservem. Que cuidem de seus afazeres corretamente sem se intrometer onde não devem, em outros poderes. Para que não seja necessário se assustarem com coturnos lustrados

  8. Sancho todo domingo comprava a Veja, o Estadão ou Folha de São Paulo e o Globo. Exagero e mentira? Não. Sancho sempre consumiu avidamente informação. Sancho continua o mesmo e tais veículos, antes tão respeitados, mudaram tanto, que hoje Sancho só busca informação no blog do Políbio Braga (recomendo o blog do gaúcho) e no JBF (nossa casa querida), sem perda de INFORMAÇÃO. Para praticar o português, de Portugal e o Español, e mesmo com muitas ressalvas, continuo acesssando o Diário de Notícias (Portugal), El Punt Avui (Barcelona,em catalão) e o El Mundo (España).

Deixe uma resposta