CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Sonho realizado, Meu Papa.

Conheci o mestre, de quem sou fã.

Foi sábado passado, na apresentação dele no Teatro Riachuelo, aqui em Natal, com capacidade para 1,5 mil pessoas.

Casa lotada, como sempre

Da esquerda pra direita: Jessier, eu, Vigélia (minha esposa) e a prima Rosália (tão doida por Jessier, quanto concriz por manga).

Você tem toda razão quando diz “além de grande poeta, e de um grande artista no palco, Jessier Quirino é também uma figura humana fantástica.”

E eu completo dizendo que ele é a encarnação mais perfeita da simplicidade – e da simpatia – dos matutos cantados em verso e prosa por ele.

É um cabra arretado!

R. Jessier Quirino e Jesus de Ritinha, dois colunistas fubânicos, dois grandes amigos que trago na minha estima.

Ambos poetas, ambos gente boa, ambos talentosos.

Fico feliz que tenham se encontrado pessoalmente.

Abraços e muito sucesso pros dois!!!

Deixe uma resposta