2 pensou em “JAIR RODRIGUES

  1. Essa cancão que tem doze interpretes é a melhor canção de todos os tempos e foi injustiçada quando a Rede Globo promoveu sua pesquisa sobre a musica do Século 20 , deixando-a de fora! Vida longa para Geraldo Vandré!

    • Excelente música, excelente comentário.

      Este festival da canção mostrou que a divisão que existe no país hoje já existia e da mesma forma ou até pior em 1966. Era também uma divisão política, porque não.

      Disparada era uma total novidade em todos os aspectos, em interpretação, arranjo, conteúdo, formato.

      Não era visível que havia uma primeira e uma segunda parte. Uma música comprida, mas que não se sente comprida.

      Inovou com o uso da famosa queixada de burro, que dava uma conotação instrumental totalmente inusitada.

      Do outro lado tínhamos A Banda, uma marchinha de coreto composta por nada menos do que Chico Buarque, já então “o Cara”.

      Os jurados, a fina flor da inteligência, já lhe tinham dado a vitória por 7 x 5.

      Foi tão constrangedor que o próprio chico disse que se ele ganhasse sozinho, devolveria o prêmio. Ambos (Chico e jair) então dividiram o prêmio.

      É visível a cara desenxavida do Chico ao final da grande interpretação do Jair.

Deixe uma resposta