DEU NO JORNAL

O juiz Jacobine Leonardo, do Tribunal Regional Eleitoral de Tocantins, arquivou um inquérito contra a prefeita da cidade de Bernardo Sayão, Maria Benta Azevedo, com base na Lei de Abuso de Autoridade.

A investigação foi aberta após o recebimento de denúncia pelo Ministério Público.

Na decisão, o juiz afirmou que o arquivamento é “medida que se impõe, sob pena de configuração do art. 27 da lei 13.869, de 05 de setembro de 2019”.

A norma diz que é crime “requisitar instauração ou instaurar procedimento investigatório de infração penal ou administrativa, em desfavor de alguém, à falta de qualquer indício da prática de crime, de ilícito funcional ou de infração administrativa”.

* * *

A Lei de Abuso da Nossa Paciência já está fazendo efeito.

Não é necessário aguardamos a paciência se esgotar pra reagirmos.

Vamos à luta de imediato.

Afinal, qual é o Brasil que queremos deixar pros nossos filhos?

Hein???

Deixe uma resposta