DEU NO JORNAL

O ritmo acelerado da recuperação econômica do Brasil na crise da pandemia já desfez todas as previsões apocalípticas.

O Fundo Monetário Internacional, por exemplo, teve de admitir erros: em vez dos trágicos 9,1% de queda no PIB brasileiro que chutava em junho, já “ajustou” a previsão para 5,8%.

O Boletim Focus, do Banco Central, que previa retração de 6,54%, agora vê 4,8%.

* * *

Notícia triste.

Notícia horrível para os cultores de catástrofes e para os jornalisteiros das redações da imprensa funerária.

Chega faz pena ver a desolação e o abatimento destes pobres coitados.

1 pensou em “HORRÍVEL

  1. Todos podem ter certeza que se cair o PIB, digamos, 4%; o que é um cenário extraordinário, diante do que foi o ano e das previsões; virão os pessimistas de sempre para dizer:

    “- Tá vendo? foi a maior queda de PIB da história, culpa do Biroliro.”

    Esperem para ver.

Deixe uma resposta