11 pensou em “GOLPE EM CURSO: STF PROTEGE LULA E ATACA BOLSONARO

  1. Das duas uma.
    1 – Se Bolsonaro for inocente na negociata Covaxin, ele não serve para ser presidente. Não enxerga o que se passa debaixo das suas barbas, não controla a liderança do governo no Congresso. Como ele próprio declarou “não sei de nada. Como vou controlar 22 ministérios?” Isso significa que os ministérios estão descontrolados. Se até Pazuelo que é militar, pessoa de confiança verde oliva, pode ter tomado bola debaixo das pernas, imagine o resto.
    2- Se participou da operação “poligonar” entre fabricante, Ministério da Saúde, representante brasileiro e offshore de Cingapura, aí está confirmado o primeiro caso de corrupção nesse governo que não rouba nem deixa roubar.
    Se aparecer a gravação vamos ouvir mais uma vez “tem que manter isso aí”

    • C. Eduardo encasquetou que houve negociata no caso Covaxin.

      Não houve:

      – malas de dinheiro,

      – pagamento de propina,

      – valor superfaturado (13 países já pagaram o que o Brasil iria pagar),

      – o governo estava esperando o OK da Anvisa para autorizar a vinda da vacina (já foi dada,

      – ela é mais eficiente e mais barata que a Vachina.

      Qual é a base da acusação: O Deputado Ricardo Barros tem ligações com a empresa que representa a Covaxin no BR. Como FHC e o PT já conhecem ($) este deputado, tem propina envolvida.

      O Deputado foi autor (junto com Omar, Calheiros, Randolfe, PCdoB) de uma emenda que faz com que a Anvisa tenha que se apressar para aprovar a vacina.

      Ahn, e quem é o autor da denúncia? Um Deputado envolvido em estelionato no BR e nos EUA, que somente apresentou na TV como prova um documento, que se não era falso, não tinha mais validade.

      C. Eduardo, para de fumar maconha estragada.

      • João, você sabe que a “mulher de César, não basta ser honesta, precisa parecer honesta”
        O cabra quando vira Presidente da República não pode achar que é um cidadão comum e virar as costas para uma denúncia como esta. O que o deputado da base do Governo, Luís Miranda acusa Bolsonaro (prevaricar) e o líder na Câmara, Ricardo Barros (corrupção), tem que ser esclarecido e prestado contas com a sociedade. É exatamente a mesma acusação que Bolsonaro fez aos governadores, a quem acusava de desviar dinheiro em plena pandemia. Existem evidências que até o Cego Aderaldo consegue ver. Por que Bolsonaro ligou para o Primeiro Ministro da Índia para falar diretamente? Por que iria comprar Covaxin sem aprovação da Anvisa e não comprou a Pfizer? Por que não ativou a PF para cuidar do caso? Por que uma empresa intermediando a compra? Por que não negou de forma categórica a denúncia, limitando-se a dizer que não controla os ministérios? O que Flávio Bolsonaro faz com a empresa brasileira, Precisa, debaixo do braço indo negociar no BNDES? Tá tudo sem explicação, sem resposta. Até agora Bolsonaro disse que não sabia apenas.
        Precisa investigar e punir o denunciado, ou o denunciante, dependendo do resultado do inquérito. Não dá para dizer que não sabia de nada e ficar por isso mesmo. É para isso que foi eleito, para presidir e não para tirar proveito da presidência. O que Bolsonaro está fazendo é o mesmo que Lulla fez no passado. O que vai acontecer com Bolsonaro é o mesmo que aconteceu com Lulla

        • C. Eduardo, ainda acho que v. vai buscar argumentos no DCE de uma faculdade de humanas frequentado por alunos de 35 anos oriundos do MR-08 ou da Libelu.

          Vamos lá:

          Compra da Covaxim: não foi gasto um tostão na sua compra, portanto não houve desvio do dinheiro público, ou seja, NÃO houve corrupção, nenhuma mala de dinheiro rolou.

          A aprovação da Vacina Covaxim, junto com a Sputnik estava sendo apressada e o governo fez uma MP para regularizar, MP esta que foi emendada por vários deputados para dar um prazo curtíssimo à Anvisa, dentre eles R. Barros, Randolfe, PCdoB, Omar, Calheiros….

          Preço da covaxim: o mesmo preço (U$D15) que foi oferecido e aceito por 13 outros países, eles teriam pagado propina também?

          Luís Miranda – notório golpista barato que procurou Bolsonaro com uma fatura defasada contendo erros que já haviam sido sanados. Bolsonaro iria à PF denunciar o quê? Quem pede investigações à PF é a justiça ou o MPF, não o Presidente.

          Empresa intermediária. A única vacina que não usou intermediário para o BR comprar foi a da Astra, visto que o Governo fez parceria para seu desenvolvimento. A da China foi intermediada pelo Dória e o contrato é segredo. Portanto a Sputinik também tinha empresa intermediária.

          Bolsonaro não disse que não sabia de nada, apenas que tem Ministros e funcionários competentes nos Ministérios para resolver problemas e que ele não é informado de tudo o que acontece.

          Porque o Luís Miranda só informou tudo 3 meses depois de ter ido ao Bolsonaro e usou na CNN um documento que seu irmão já sabia que era incorreto?

          C. Eduardo, deixa de ser cego e pelo menos procure uma erva de boa qualidade para fumar.

          • Se faltava alguma coisa para termos certeza de que a operação era podre, não falta mais. Cancelaram a compra das vacinas. Por que cancelar se estava tudo tão certinho?

            ” A da China foi intermediada pelo Dória e o contrato é segredo.” Para seu conhecimento, porque parece que você não atentou para a realidade, o Butantan é quem faz a vacina e vende diretamente para o M Da Saúde. O Butantan compra o IFA, assim como a Fiocruz, que é a produtora da Aztrazeneca aqui no Patropi. Por tanto, não há intermediário na compra dessas vacinas.

            Meus amigos bolsominions, apesar de discordar de vocês não quero mal a nenhum dos fubânicos, porque antes de serem bolsominions são fubânicos e esse laço nos une. Não sou mal-educado nem grosseiro. Não sei de tudo, gosto de ouvir e ler todos, mas não sou burro.

            Lamento, porque vocês que são apaixonados por Bolsonaro vão ter uma decepção a cada dia.

            • Realmente C. Eduardo, havia cheiro de podre no ar no MS.

              Foi alegado por um representante de uma fabricante de vacina que o Diretor de logística, Roberto Dias, indicado ao cargo pelo Mandetta, teria pedido a propina de um dólar por dose de vacina para facilitar a tramitação da importação no MS.

              O que o governo fez? Afastou e exonerou imediatamente o tal diretor e suspendeu toda a tramitação, além de colocar os órgãos fiscalizadores para investigar tudo.

              Agora tem o outro lado. Renan sabia de tudo, pois seu irmão também assinou a emenda para aumentar a pressa na tramitação.

              Não houve mala de dinheiro, nem pagamento de qualquer espécie.

              Já no consórcio NE houve pagamento à HempCare. A dona da empresa disse que o depósito de 48 milhões foi feito 24 hora após uma negociação com o Gabas de respiradores que durou 30 minutos. Os produtos não foram entregues.

              O que fazem os membros do G-7 da CPI? Blindam todo mundo e não deixam investigar.

              Deu para ver a diferença, C. Eduardo?

            • C. Eduardo, O IFA é o ingrediente principal da vacina, é onde está toda a tecnologia. O que o Butantan e a Fiocruz fazem é acrescentar água e embalar o produto final. A Fiocruz já está ou vai produzir em breve também o IFA da Astra Zêneca.

              Dória já disse que foi um escritório dele em “Xanrai” que negociou tudo, lembra?

  2. Como o parâmetro do esquisito CEduardo é perguntar se alguém é “de duas, uma”, vamos fazer com ele. CEduardo é, de duas, uma: preencher com sua opinião. A minha é que ou é petista roxo ou é lulista.

    • A sua capacidade de entender a vida só permite duas escolhas, a minha não.

      Aqui nessa página divertida e irreverente, havia um petista/lullista muito inteligente (Goiano Braga Horta) com quem tive diversos embates de bom nível. Ele defendendo as ideias atrasadas do PT e eu tentando mostrar que os que se dizem progressistas são na verdade progressistas do atraso. Nunca foi uma troca de insultos, nem grosseria. Por que agora os bolsominions não conseguem defender ideias, programas, não conseguem dizer nada inteligente, apenas agridem as pessoas sem motivo? É a tática miliciana de se impor pela violência e agressão?

Deixe uma resposta para João Francisco Cancelar resposta