CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Meu caro amigo Luiz Berto,

Papa de TODOS os recantos dessa bola de gude verde e azul que roda atrás do Sol num Universo sem fim (nem começo).

Estava aqui revisando meus mal-traçados cordéis (tem hífen nessa goa serena ?) arrumando essas fuleiragens pra publicar na Amazon Kindle, que é de graça e vai pelo mundo afora…

Se bem que pelo mundo afora ninguém sabe quem sou eu (nem eu mesmo, kkkk).

Mas achei por bem relembrar os tempos de minha coluna MASCATE DAS LEMBRANÇAS, nesse prestigioso diário internético, que continuo a ler, porque sou viciado em besteiragens gerais e obscenidades políticas (falar nisso, Goiano continua por aí besteirando né?) kkkkkkk

Pois então lá vai umas estrofes que escrevi, por conta de uma compilação que Vossa Santidade Primeiro e Único publicou certa vez, dando trocentos sinônimos de RAPARIGA, PUTA, MARAFONA, essas incansáveis trabalhadoras que não se cansam, mas não saem da cama, que é lugar quente e rendoso (lá pra elas, kkk)..

Um abraço a toda a fuleiragem que aí pontifica, do amigo de sempre, esperando que um dia nos encontremos na bela praia de Muro Alto, Ipojuca, adonde nos vimos pela última vez (e faz tempo !)

R. Grande Fred, meu estimado amigo e fubânico de primeira hora!

É um prazer enorme voltar a ter notícias suas depois de tanto tempo.

De fato, a última vez que nos vimos foi na praia de Muro Alto, aqui pertinho do Recife.

Quanto aos sinônimos de “puta” – que lá em Palmares é mais conhecida por “quenga” -, está tudo registrado no Novo Dicionário Aurélio, da Editora Nova Fronteira, que ocupa um lugar especial aqui na minha estante.

Neste rica enciclopédia, que estou sempre a futucar, as três palavras que encontrei com uma grande quantidade de sinônimos são Meretriz, Diabo e Cachaça.

Veja só os sinônimos de Meretriz:

Isso fora os que ainda não foram dicionarizados!!!

Bom, chega de conversa mole.

Vamos aos versos que você nos mandou e que me deixaram ancho que só a peste.

A Besta Fubana tá feliz que só a porra!!!

Abraços e um excelente domingo.

* * *

A BESTA TÁ SOLTA NO MUNDO E NÓS NELA!

Perguntaram ao Berto Filho
Que diabo era FUBANA
E ele de afogadilho
Deu resposta bem bacana
Pois FUBANA é tão somente
Uma forma bem corrente
De chamar a MARAFONA

Logo acrescentou o Berto
uma lista muito longa:
ANDORINHA, BAGAGEIRA,
SUTRÃO, TOLERADA e TRONGA
BAGAÇA, BAGA, BIRAIA
MICHELA, MOÇA, MIRAIA
só não rolou songa-monga

Tem nome pra RAPARIGA
essa MULHER DE MÁ FAMA
que é palavra engraçada
para quem ganha na cama
BISCAIA, BISCATE, BISCA
é feito peixe na isca
VAQUETA, VENTENA e DAMA

BRUACA, QUENGA e PUTA
ZONGÓ, ZOINA, ZABANEIRA,
E o que a gente mais escuta
É FREGA, FRETE e RAMEIRA
MULHER DA VIDA, MUNDANA
MADAMA, MARAFANTONA
CHINA, CLORI e CANTONEIRA

É muito palavreado
Pra dizer MULHER DA VIDA
MULHER DO MUNDO ou DO FADO
ÉGUA, FÊMEA, DECAÍDA
CADELA, CÓIA, FADISTA
E tome nome na lista
MULHER À TOA, PERDIDA

É FUSA, GANAPA e GANÇA
É BUCHO, CAÇÃO, CADELA
Esse povo não se cansa
Botando apelido nela
Profissão independente
Que a humanidade indecente
Provoca, mas gosta dela

É a MULHER DA COMÉDIA
que às vezes quase MENINA
DE PROGRAMA, faz sua média
CÓIA, CÓIRA, CATERINA
Mas por PÉCORA, COCOTE
Poeta perde seu mote
Vai rimar com a MESSALINA

JEREBA, CARCÁIO e BOI
Dessas nunca ouvi falar
MURIXABA ou MURUXABA
Também nem vou comentar
FINDINGA, PONTA DE RUA
FRECHE, RASCOA e PERUA
E a lista vai se acabar

Tem LÚMIA, LOBA E LOUREIRA
No mundo a fazer a vida
MULHER DE RÓTULA, estradeira
Roda a bolsa por comida
Sofrendo sua desdita
Vivendo feito Afrodita
Seu caminho só tem ida…

Mas essa FUBANA nossa
Tem sua própria textura
Uma gazeta com bossa
Rio claro de água pura
Descendo lá dos Palmares
até desaguar nos mares
Da nossa rica cultura.

11 pensou em “FRED MONTEIRO DA CRUZ – RECIFE-PE

  1. Fubana também é quenga, é? Então está explicado esse fascínio, essa atração vitalícia exercida sobre quem visita o JBF.

    • Beni, na minha terra (Ceará), ainda inventaram um tal de “fuampa”! E, recentemente acrescentaram mais dois: “maria mela pau” e “raladora de mandioca”! Vá entender, né não?!

        • É raríssimo, mas algumas possuem dentes, o que é perigosíssimo. Apalpação e língua são ótimos recursos para “identificar previamente as dentuças” e evitar o flagelo peniano. Certa feita conheci uma que possuía a arcada dentário de “un tiburón”.

  2. Para o amigo FRED PÉ DE VENTO,
    em funçaõdo que disse o amigo JOSÉ DE OLIVEIRA RAMOS,
    cearense que nem eu:

    faltou dizer que FUAMPA
    é a mesma coisa que puta
    desde que perdem a tampa
    praticam a mesma labuta
    lá pras bandas do Ceará
    se quiseres ‘chambregar’
    é só chamar, que ela escuta

    já ‘pra ralar mandioca’
    nunca ouvi esse ditado
    aliás, até prefiro
    deixar ele não ralado
    é melhor o pau melar
    que, por acaso, ficar
    com ele ‘de pau parado’

  3. Estimado Fred,

    Você é um fubânico que mora no coração de todos nós que fazemos parte dessa confraria de desassombrado.

    Sua presença poética e espiritual é um estímulo à nossa fraternidade.

    • O cara chega, conquista a comunidade e some. Isso não se faz, caríssimo Fred. Mas (genial mas), como aos gênios tudo é perdoado, que não nos deixe na sofrência da crise de abstinencial. Sancho foi até sua sala na redação fubânica, fez uma faxina de primeira, deu lustre nos móveis, abasteceu o frigobar e informa que a chave está com o Polodoro.

      • Sancho, esse sujeitim é cachaceiro pior que o Berto! Os dois são da mesma laia. Fred so “veve” nos EUA, batendo matraca pro Trump; e Berto tem conluio com a Roleta do Cu-Trancado lá de Palmares. Quando os dois juntam na feira de Casa Amarela, a pau troa!

  4. O bom filho a casa torna, é muito bom saber que você está bem, Fred Monteiro. Saudade de sua coluna Mascate das Lembranças. Um grande abraço !

Deixe uma resposta