3 pensou em “FOI ELE MESMO: O CABO ELEITORAL DE DILMA

  1. Enquanto o Fachin decidia de acordo com os interesses dos lavajatistas, era festejado. Mas basta dar uma contrariada e vira uma porcaria. Assim é a mente fascistóide.

    No caso do vídeo, mostra Fachin lendo um manifesto assinado por juristas brasileiros em apoio à candidatura de Dilma, no segundo turno das eleições de 2010.

    Em 2010, Fachin estava longe de ser Ministro do STF, para o qual foi nomeado em 2015.

    Em 2010 era professor e advogado, estava livre para a política.

    A publicação descontextualizada do vídeo neste momento tem finalidades panfletárias.

Deixe uma resposta