FILHO DE BABACA, BABAQUINHA É

O competentíssimo Paulo Guedes empurrou um pica de grosso calibre no olho do furico do incompetentíssimo Zeca Dirceu.

No olho do furico de Zeca Dirceu e no olho do furico de toda a esquerdalhada que estava ontem na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados

Paulo Guedes empurrou a pica neles sem pena, sem cuspe e sem vaselina.

Um PhD de alta sabença enrabou um analfabeto, literal e funcional, deixando o diputado lulo-petista sem uma prega sequer.

O arguto e certeiro jornalista J.R.Guzzo resumiu tudo de maneira genial:

“Paulo Guedes disse ontem na Câmara, em voz alta, o que o PT realmente é: o serviçal número 1 dos milionários, dos empresários ladrões, dos empreiteiros corruptos, dos burocratas que se aposentam com fortunas e de tudo o que faz do Brasil um dos países mais desiguais do mundo.”

Político filho da puta eu conheço muitos. Vários, centenas, inúmeros, diversos.

Mas político filho de Zé Dirceu eu só conheço um: o Zeca Dirceu.

“Quem sai aos seus, não degenera”. A estupidez babaquística é fenômeno genético, transmitida de pai para filho

* * *

FALA, CAIO COPPOLLA!!!

4 pensou em “FILHO DE BABACA, BABAQUINHA É

  1. Tá um jovem à quem se deve ouvir com atenção. São falas sempre claras, concisas e muito pontuais. Faz analises muito melhor que muitos ditos “especialistas” em “politiquês”.
    Neste caso o Caio faz algumas afirmações que deixa esquerdista soltando morteiro com o bumbum. Falar a verdade de forma tão crua e sem rodeios mata comunista de raiva.

  2. diz o ditado que nem todos os filhos de putas bandidos serao , porem se criados no puteiro no minimo cafetao serao , e zeca dirceu certamente e a prova viva disto , pois alem de filho de criminoso, criado no meio, da quadrilha de criminosos o foi , entao juntando-se o dna com a criaçao so podia dar neste extrume humano

  3. O Paraná está bem representado não é mesmo? Gleisi e Zeca. Podem até fazer uma dupla para cantar, apesar que só conseguirão se apresentar aos membros da seita.

Deixe uma resposta