ALEXANDRE GARCIA

Eleições para o Parlamento europeu apontam para vitória da direita. Na França, o candidato de Marine Le Pen obteve ao menos 31,5% dos votos.

Eleições para o Parlamento europeu apontam para vitória da direita. Na França, o candidato de Marine Le Pen obteve ao menos 31,5% dos votos

A maioria do Parlamento europeu, com 705 euro deputados, deve ser de direita. Os resultados não surpreenderam porque os governos de esquerda, mesmo com o socialismo europeu, não estão agradando os povos. Na França, por exemplo, foi um desastre para Emmanuel Macron.

Apoiadores de Marine Le Pen conseguiram mais que o dobro dos votos dos partidários de Macron, 32% versus 15%. Macron ficou tão chocado que dissolveu o Parlamento e convocou eleições.

Na Espanha, o Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE) também perdeu. Na Alemanha, os conservadores e políticos de direita conseguiram 46% das vagas, os outros estão atrás. Vai haver uma mudança muito grande na orientação política da Europa.

Um político brasileiro, que foi candidato ao governo do Rio Grande do Sul, Onyx Lorenzoni (PL), votou na Itália. Onyx faz parte da segunda geração de sua família com cidadania italiana. Ele votou em papel, com um lápis – que é indelével – assinalando o partido e o nome do candidato.

Na Itália, o voto tem a possibilidade de ser recontado, se houver dúvida. É uma senhora diferença com o nosso voto digital. Neste domingo (9), no final da votação, foi o aniversário da reeleição extraordinária de Margaret Thatcher na Inglaterra, em 1983, depois da vitória na campanha das Falklands, chamadas de Ilhas Malvinas pelos argentinos.

* * *

Governo Lula quer extraditar envolvidos em atos de 8/1

O governo brasileiro tentará extraditar manifestantes de 8 de janeiro que pediram asilo político na Argentina, no Paraguai e no Uruguai. É dificílimo que os governos da Argentina, Uruguai, Paraguai mandem de volta pessoas que são nitidamente perseguidas políticas.

Os processos daqueles que foram presos e condenados aqui ainda não têm trânsito em julgado. Como vai transitar em julgado se o processo já está no Supremo Tribunal Federal (STF)? Não houve possibilidade de recurso na primeira e segunda instância. A terceira instância deveria ser o Superior Tribunal de Justiça (STJ), mas as ações foram direto para o Supremo.

* * *
Nasa mostra território usado para agricultura 

Algo importantíssimo para o agronegócio brasileiro: a Nasa mostrou que dois terços da vegetação nativa brasileira estão preservados. Na Europa, a Dinamarca acabou com 77% da vegetação nativa; nos Estados Unidos, quase 20%; já na Alemanha, a agricultura usa 56% do território. No Reino Unido, 64% do território é usado para a agricultura. 

O Brasil usa 8% de seu território para a agricultura. A Nasa está derrubando os argumentos de ambientalistas contra o agronegócio. Ambientalistas faquires, porque eles certamente não vão comer, se querem acabar com agro. 

* * *

STF gasta R$ 39 mil com segurança para Toffoli ver Champions League

O presidente do STF, ministro Luís Roberto Barroso, justificou os R$ 39 mil gastos com segurança para o ministro Dias Toffoli assistir a final da Champions League, em Londres, na Inglaterra. Toffoli assistiu ao jogo no camarote de um empresário. Estranho.

Quando eu era um simples subsecretário de imprensa no Palácio do Planalto, recebi muitas ofertas de empresários como camarotes, passeio de iate, de lancha, para ir a festa do boi ou a uma ilha em Guarujá (SP), mas nunca aceitei. Esse tipo de oferta não é possível aceitar.

Além disso, foram R$ 99.600 por segurança para outra viagem de Toffoli, dessa vez para Madri, na Espanha. Segundo o colunista Lúcio Vaz, da Gazeta do Povo, o próprio Barroso neste ano, só no Brasil, usou jatos da Força Aérea Brasileira (FAB) em 59 vezes. Ele foi o campeão de uso das aeronaves da FAB, ganhando do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e do do ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

Esses fatos derrubam o argumento do Supremo de que é aprovado pela população. Por que os ministros têm que usar jatinhos e ficar separados da população? Porque precisam andar com seguranças, ou seja, não são assim tão queridos como dizem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *