COMENTÁRIOS SELECIONADOS

Comentário sobre a postagem UM ARTIGO PRIMOROSO

Goiano:

Talvez possam ser incluídos mais alguns adjetivos após a apuração do famoso e misterioso caso das rachadinhas cabeludas.

Por enquanto, a definição é perfeitamente conceitual e conceitualmente completa, além de expressar, a bem da verdade, a realidade mais pura de um caráter perfeitamente mariola, para não dizer cavalgadal.

É preciso destacar que as qualidades relacionadas do indigitado obtuso não podem ser perdidas, uma vez que seus idólatras o seguem exatamente por Jair Messias Bolsonaro tê-las e não só possuí-las no âmago do seu ser grotesco como também cultivá-las como se cuida de um urtigueiro venenoso.

São os defeitos que constituem suas melhores qualidades e que o levaram onde está e poderão alçá-lo aos píncaros da glória suprema em 2022, caso em que voltaríamos a ter na presidência da república, novamente, o pequí roído.

* * *

Nota do Editor:

Não é artifício, ironia, montagem ou invenção da Editoria do JBF.

Este comentário realmente foi feito pelo colunista Goiano Braga Horta.

Atesto, dou fé e reconheço a firma.

A nossa área de comentários não tem moderação: bastar dar o clique que o texto é publicado de imediato.

Releiam a lista de adjetivos contida na postagem e tirem suas conclusões.

Repito: o comentário realmente foi feito.

Para comprovar, basta clicar no link da postagem.

Por fim, “idólatras” são os seguidores de Bolsonaro. Que o saúdam nas ruas.

Os adoradores de Lula, certamente, devem ter outra designação que não “idólatras”.

E o saúdam na porta da prisão.

3 pensou em “É VERDADEIRO

  1. Eita povinho que gosta de ser passado por trouxa na mão de vagabundos. Dá nojo ver esse bando de jumentos que se portam como no filme “matrix”, ficam hirtos em cápsulas deixando suas energias esvaírem-se por dutos que alimentam os canalhas reis da corrupção. Continuem. É bem isso que eles querem.

Deixe uma resposta