DILMÊS, O RETORNO

Depois de enxergar um cachorro oculto por trás de cada criança, Dilma descobre o lobo solitário devorador de ideologias

“O Brasil hoje não tem direita nem centro porque a extrema direita de Jair Bolsonaro é um lobo solitário que devorou o centro e a própria direita. Foram tirar uma presidenta inocente com 55 milhões de votos e isso foi feito com a cooperação de pessoas que um dia foram democratas”.

Dilma Rousseff, ao avisar num certo Hay Festival, promovido em Cartagena das Índias, que enriqueceu a fauna com a descoberta de um lobo solitário devorador de ideologias, aumentando a ansiedade dos brasileiros que aguardam a apresentação da criadora do dilmês no Festival dos 40 Anos do PT.

Ceguinho Teimoso votou nela

6 pensou em “DILMÊS, O RETORNO

  1. Nem se pode dizer que esta mulher fuma erva estragada, porque as falas dela têm método.

    É difícil explicar, vai muito além da compreensão.

  2. Acredito ser hora de extirpar de uma vez por todas o ptralhismo ou fazer qualquer alusão para essa corja desgraçada. Está na hora de decretarmos o falecimento do pt e de toda a sua caterva imunda. O lularápio é um imbecil, morto-vivo que só encontra apoio dos seus zumbis, tão imbecis quanto ele. Vamos deixar essa camarilha de lado. Não demos ibope ao que eles defecam pelo comedor de lavagem.

Deixe uma resposta