DEU NO JORNAL

A decisão da maioria dos ministros do STF de inventar uma nova regra segundo a qual delatados devem apresentar alegações finais após os delatores — o que pode levar a uma série de anulações de condenações da Lava Jato — representa um risco à operação, segundo Deltan Dallagnol.

“O STF tem toda legitimidade de nomear uma nova regra a partir da Constituição, mas isso não pode ser feito para trás. Se isso for feito a cada hora que se cria uma nova regra, se torna contraproducente. É injusto, gera prescrição e impunidade de réus poderosos”, disse Deltan em entrevista.

“Traz um ambiente ruim para os negócios, ruim para a responsabilização dos colarinhos brancos. É ruim para o nosso sistema, que gera uma corrupção institucionalizada”, prosseguiu Dallagnol.

Ele disse ainda:

“Se não houver nenhuma mudança ou restrição, esse novo precedente poderia vir a anular mais de 130 condenações das cerca de 150. Seria um tremendo retrocesso na operação.”

* * *

Aguarde, seu Deltan. O sinhô dotozinho não perde por esperar.

O colunista fubânico Goiano Braga Horta vai desmentir você categoricamente.

Tudo que você falou será rebatido pelo nosso estimado colaborador.

Toda a sua raquítica formação jurídica será desmascarada de público.

Goiano vai provar que esse negócio de combater ladrões, perseguir bandidos e dificultar a vida de corruptos, além de inconstitucional, é um grande atraso para o desenvolvimento do nosso país.

Como ele tem feito incansavelmente nos últimos dias aqui no JBF.

Aguarde a cacetada.

Deltan: “Estou perdido. Com Goiano defendendo esse povo, minha missão de combater marginais está acabada”

Deixe uma resposta