DEU NO JORNAL

O levantamento do Datafolha, divulgado nesta sexta (14), mostra que a avaliação do presidente está em ascensão e a tendência é passar dos 40% de avaliação positiva.

O levantamento de 20 de julho, do Paraná Pesquisa, mostrou que a aprovação havia crescido de 44% para 47,1%.

E o governo já era Ótimo/Bom para 37% do total.

A ascensão de Bolsonaro se deve sobretudo às classes C, D e E e ao Nordeste, onde seus opositores nadavam de braçadas.

Nadavam

* * *

Nesta notícia aí de cima, eu gostei do tempo do verbo: nadavam.

No passado.

A oposição parou de nadar de braçadas.

E o exercício aquático desse povo vai piorar mais ainda,

Além de crescimento na avaliação positiva, o fascista homofóbico também vê despencar a avaliação negativa do seu governo em dez pontos percentuais.

Neste caso, “despencar”, para a oposição, significa dar um pulo do trampolim e cair no fundo da piscina vazia, quebrando a cara e estraçalhando o fucinho.

5 pensou em “DAQUI PRA FRENTE VAI SER NATAÇÃO NO SECO

  1. Vamos ao infinitivo pessoal: “Por o nadarem eles” por tanto tempo sem cuidar, secou a fonte de votos?

    Poesia bertiana sabadiana pela manhana: “significa dar um pulo do trampolim e cair no fundo da piscina vazia, quebrando a cara e estraçalhando o fucinho.” (pura e dura poesia “concreta”)
    Isso vai levar o Goiano às lágrimas. Chorará tanto que irrigará o semi-árido (nos períodos chuvosos lacrimais de Goiano, espécies de plantas herbáceas se abrem em flor, dentre as quais a malva, a malícia e a flor de tijirana, transformando a Caatinga em uma quase Holambra)… Resistirá Zé Goiano? Ter-se-á unido aos bolsonaristas em fraterno abraço e comunhão? Creio que sim…

    Larson, Edward J. (1997), Summer for the Gods: The Scopes Trial and America’s Continuing Debate Over Science and Religion, BasicBooks.
    New York Times, May 26, 1925: 1, 16; de Camp, Great Monkey Trial 81–86.

  2. Não vamos nos iludir, não dava para o Sistema dizer que a rejeição era alta, depois das demonstrações de apoio popular que o presidente recebeu nestes últimos tempos. Tiveram que dar o braço a torcer.

    Eu mesmo, apoio o presidente, porém considero o desempenho do Governo, de regular para bom.

    E porque não é ótimo? Porque o PR ainda tem Ministros que o aconselham a furar o teto dos gastos. Vejam a coluna da Bárbara de hoje assim que sair aqui no JBF ou procurem no Youtube.

    O Presidente só tem o apoio do povo, o resto todo é contra ele. Praticamente toda a imprensa, o STF, Nhonho e Batoré, os bispos vermelhos da CNBB, os “artistas”, os “isentos”.

    Como o povo está preso em casa em função da pandemia chinesa, partiram com tudo para o ataque.

    Bolsonaro está comendo pelas beiradas e não dá para ser ótimo quando se tem que jogar na defensiva. Ele está jogando seu apoio para tentar passar as reformas tributária e administrativa.

    O colunista JBF Jornalista “isento” Carlos Brickmann toca a narrativa de que estas reformas não saem por culpa da demora do PR em apresentá-las e que a da Previdência só saiu por um esforço do Nhonho. Isso mesmo, é uma narrativa infame.

  3. Sei que dá trabalho incomodar os amigos, João Francisco, mas peça a algum deles que lhe leia as notícias da época da aprovação da reforma da Previdência. Peça também que algum deles lhe encaminhe a data em que a reforma administrativa foi encaminhada pelo tal PR (deve ser homenagem ao partido do Valdemar Costa Neto, aquele cavaleiro andante da Nova Política) ao Congresso. Ele não vai encontrar. Infame, caro JF, significa “sem fama”. Brigar com os fatos não é infame, é apenas bobagem.

    • Sr. Carlos, eu só vou falar uma coisa, no dia 26/05/2019 houve uma manifestação monstro no Brasil. A única no mundo em que a população majoritária de um país pede para que reformas na previdência (impopulares por natureza) fossem votadas e aprovadas.

      Até então a reforma da previdência estava travada e o Nhonho sentava em cima para ganhar créditos. Essas manifestações foram um divisor de águas. O MBL, o Vem prá rua, a Pepa, enfim todos os traidores foram contra e elas foram um sucesso. Isso sim é que é fato.

Deixe uma resposta