DEU NO JORNAL

Ex-coordenador da Interpol no Brasil, o delegado federal Jorge Pontes diz que a decisão de Dias Toffoli que suspendeu todas as investigações baseadas em dados do Coaf, Receita e Banco Central, sem prévia autorização judicial, beneficia diretamente aqueles bandidos com “enorme poder de destruição”.

Traficantes, membros de organizações criminosas, políticos corruptos e lavadores de dinheiro.

* * *

O delegado Jorge Pontes, especialista no assunto, está corretíssimo.

A canetada do militante petista Dias Toffoli beneficia e fortalece bandidos.

Bandidos armados com metralhadoras e fuzis e bandidos armados com mandatos e cargos.

Dias Toffoli é ministro do órgão supremo da nossa justiça, pra lá indicado por um sujeito que atualmente cumpre pena por corrupção e lavagem de dinheiro.

Fora os outros processos aguardando sentença.

Coisas mesmo de uma republiqueta banânica.

Quando li esta notícia lá de cima, me lembrei de uma montagem que vi ontem, encabeçada por uma pergunta:

COMO ESTAS COISAS FORAM PARAR AÍ?

Deixe uma resposta