DEU NO JORNAL

As apreensões de cocaína pela Receita Federal bateram recorde neste ano e somaram 47,1 toneladas de janeiro a outubro.

O resultado supera em quase 50% as 31,5 toneladas apreendidas em todo o ano de 2018.

* * *

Não é por acaso que corruptos, bandidos e traficantes estão completamente emputiferados com o atual governo.

O prejuízo da bandidagem tem sido muito grande.

Os zisquerdóides do pó e da fumaça estão mijando lágrimas de sangue com as crises de abstinência.

Deixe uma resposta