MAURÍCIO ASSUERO - PARE, OLHE E ESCUTE

É impressionante como a falta de discernimento cega. As pessoas não sabem mais do que reclamar e procuram qualquer motivo para fazer um estardalhaço. Mas, a canalhice do país é se a gente se atrasar para comentar um fato é melhor esperar o próximo porque o outro vai ficar obsoleto.

Esta semana nós que usamos a plataforma de currículo do CNPq, Plataforma Lattes (para quem não saber trata-se de uma homenagem a Cesar Lattes, talvez o maior físico brasileiro) fomos surpreendidos com a falta de acesso à plataforma para atualizar currículo. Eu tentei cadastras as bancas de teses, dissertações e de defesas de projetos que participei e vi que a plataforma estava fora do ar. Depois tomei conhecimento da dimensão do problema, ou seja, um servidor queimou e isso afetou o funcionamento. Bom, até aí, tudo bem. Em geral, há mais de um servidor, há dados “na nuvem” exatamente para se proteger dessas intempéries. Minha surpresa foi com os comentários que vi por ai nas redes: “Governo irresponsável. Não faz backup dos dados”. Hoje, li uma declaração de Tabata Amaral dizendo que isso era falta de investimento em pesquisa “desse governo”.

Eu tenho muita dificuldade em lidar com a hipocrisia. Pela boa convivência social, eu tento, mas não é fácil. Em 2019, primeiro ano de governo, Paulo Guedes foi eleito o melhor ministro da economia do mundo e no ano seguinte Roberto Campos Neto foi eleito o melhor presidente de Banco Central do mundo. Mas, o crescimento econômico do Brasil em 2019 foi 1,1% e a oposição se deleitou criticando um crescimento tão pífio. Queriam 30% pelo menos. Os caras saquearam o país. No governo Dilma a inflação chegou a 10,67% ao ano, o desemprego atingiu 13 milhões de trabalhadores a divida pública chegou a 89% do PIB, estatais dando prejuízo todo ano… e os caras falando de um crescimento de 1,1%.

Mas, dado essa digressão, eu vi um comentário de um professor universitário falando da incompetência do governo por não ter feito backup dos dados do CNPq. Então, eu perguntei desde quando a plataforma Lattes existe? Os governos anteriores fizeram backup? Resposta: “se um pai dá um carro para o filho, a obrigação do filho é cuidar do carro”. Daí eu disse: “e quando o carro passa por vários donos que não atentaram para a depreciação do veículo, a culpa é do último dono?”. Em resposta vem uma série de argumentos que não se sustentam. Argumento do tipo colibri: para no ar, balançando as asas e voa para trás! O que assusta é que isso vem de pessoas com conhecimento, doutores, mestres, orientadores, pesquisadores, etc. No governo Lula, por exemplo, a base se Alcântara, no Maranhão, explodiu. E aí? Culpa do governo que não fez investimento? O interessante é que parte dessa gente que critica vem da área de exatas. Sabe e ensina o que é um evento aleatório.

A irracionalidade se estende para todas as áreas. Todos os dias eu vejo pessoas falarem da corrupção no governo. Funcionário público corrupto tem em todo canto, mas eu não consigo entender quanto foi que saiu dos cofres públicos, quanto se pagou de propinas pelas obras, etc. Muito se falou sobre a compra das vacinas. Assim como falaram, por exemplo, da compra de computadores superfaturados no ano de 2019, fruto de um processo de licitação que se iniciou no governo Temer. A compra não foi efetivada, mas a corrupção foi proclamada aos quatro cantos. Também se falou na compra de leite condensado e os partidos políticos, como o PDT de Ciro Gomes, entraram com ação no STF para impedir a compra. Depois veio o tal do orçamento secreto. Puta que pariu! O orçamento é aprovado pelo Congresso, então como isso pode ser secreto? Ouvi gente dizer que os gastos secretos estavam escondidos no Site da Transparência! Puta que pariu 2! O Site da Transparência existe para divulgar as despesas do governo. Tudo é lançado lá. Se você quiser saber meu salário digita meu CPF e tu sabes quanto ganho.

Em adição, o comportamento da imprensa corrobora com tudo isso. Divulgam mentiras, principalmente, em forma de pesquisas eleitorais. Eu recebi uma pesquisa – desse professor que citou o caso do carro que o filho ganhou de presente – que é cirista radical. A pesquisa trazia Lula com 37%, Bolsonaro com 29% e Ciro com 24%. Caramba, na semana passado o cara tinha 6% de preferências e em uma semana, sem qualquer fato novo, simplesmente quadruplicou as preferências. Eu fiz referência a isso e até brinquei dizendo ser absolutamente possível tanto quanto a briga que o Bicho Papão teve com o Papa-Figo porque o Saci-Pererê tirou a sela da Mula Sem Cabeça para botar nas costas do Lobisomem. Não fosse o Curupira ia todo mundo parar no STF.

Agora, convenhamos, o comportamento do presidente precisa mudar. O cara precisa entender a dimensão do cargo. Tudo bem que seu jeito de falar é esse, mas não é prudente afirmar coisas se não tem como provar. Cria uma expectativa anunciando que vai divulgar provas de fraudes nas urnas e o que aconteceu? Até onde sei nenhuma prova categórica foi apresentada. O que se ganhou com isso? Desgaste, ainda mais, com o TSE, com o STF, etc. A Bolsa de Valores caiu 3,94% nessa sexta. O que está por trás? A desconfiança de que o governo não se sustenta. A questão é simples: tem provas que houve fraude? Apresente. Agora, se tem indícios não use e não faça alarde. As pessoas dizem que Lula é inocente porque não havia provas, só indícios.

10 pensou em “BOBAGEM POUCO É BESTEIRA

  1. Caro Maurício
    É lógico que essas ilustres marginalidades desejam que o atual governo ponha a casa em ordem e incremente as nossas finanças, pois se eles conseguirem reassumir o posto, com algum de seus êmulos, terão recursos a afanar, pois eles bem sabem que se a velha ordem que representam não tivessem sofrido esse “freio de arrumação”, nada lhes restaria para levar.
    Seus “cumpanhêros” já rasparam o tacho, com sofreguidão.
    Como estão vendo que o tacho começa a receber novos recheios, querem ir lá, com o mesmo entusiasmo de antanho.

  2. Assuero,

    Para essa canalha toda, continua válido o velho adágio:

    SE TEM DÚVIDA… ENTÃO, NÃO HÁ DÚVIDA!!!

    MENTIRAS E CANALHICES…MENTIRAS E CANALHICES…ESSA É A TOADA!

    Por mim, forca ou fuzilamento JÁ!!!!! PARA TODOS ESSES CRÁPULAS.

  3. Sobre as pesquisas, eu tenho algumas curiosidades. Na primeira eleição dessa desgraça presidiaria, ele patinava nas pesquisas, a inflação e o Dólar subiam loucamente e o cabra safado não tinha credibilidade entre a classe mérdia. No momento que disparou o alarme, soltou a tal carta aos brasileiros. Os almofadinhas de sempre assinaram em baixo e avalizaram a desgraça assegurando que as metas do plano Real seriam mantidas, que todos ficassem tranquilos porque a economia seria tocada por bons rapazes. Algumas traições tucanas depois, fritando o Serra, o cabra safado foi ao segundo turno. E ganhou raspando. Veio então o mensalão e todo o sistema foi exposto. A queda do safado era certa e merecida. Ficou acoelhado, morrendo de medo, pedindo desculpas e dizendo que fora traído. Novamente fomos traídos por tucanos, e desta vez pelo mais admirado deles, o próprio FHC. O conjurador do plano Real, da estabilização, da modernização, da privatização, da responsabilidade fiscal. Que como paga, recebeu a alcunha de “herança maldita” do referido desgraçado/safado. E o cabrunco desqualificado, junto com sua gangue de sangue sugas hereditários, foi reeleito, no segundo turno novamente, pela mesma classe mérdia que o elegera na primeira. São fatos. Foi assim mesmo que aconteceu. Nem vou entrar nas calamidades acontecidas depois da reeleição. Minha curiosidade vai até aqui: As condições de temperatura da população são as mesmas do que naquela época? Os agentes políticos tem o mesmo prestígio que tinham aqueles que permitiram esse vandalismo? As condições econômicas são, pelo menos, parecidas com as daquela época? O desgraçado, depois das revelações do mensalão, do petrolão, da bisonha eleição e reeleição de sua sucessora medonha, idiota mesmo, que nos levou quase a bancarrota, e depois, vamos lá, das promessas e obras não concluídas, tem as mesmas chances do que na primeira eleição? Ou mesmo, segundo a folha de São Paulo, vencer no primeiro turno?
    Minha última curiosidade é: Existem ainda analistas políticos no Brasil? Ou a máxima: brasileiro tem memória curta é para ser levada a sério?
    FRANCAMENTE……

    • E ganhou raspando…

      Li e reli o excelente comentário do Sérgio, que confirma o que sempre observei: o petista possuirá sempre 30% dos votos (soma considerável), que lhe são dados por professores que não gostam de trabalhar, funcionários públicos que gostam de greve, sindicalistas, bandidos presos ou soltos, drogados em geral, comunistas, militantes de minorias, artistas, gente muito humilde (apenas os que se iludem com saliva política), desavisados em geral e petistas.

    • Sérgio, eu sou econometrista e dúvido muito dessas pesquisas. Como não há registro, a gente nem pode criticar a metodologia. Tem um bom livro, A matemática no tribunais, que mostra o quanto os analistas acabaram com vidas por interpretação errada dos dados.

      Eu entendo que o mercado agora agiu diferente da época de Lula. Lá havia externa desconfiança e com Guedes o mercado comprou as propostas. Foi o único que disse como ia fazer pra reduzir o déficit. O STF não deixou

Deixe uma resposta