COMENTÁRIOS SELECIONADOS

Comentário sobre a postagem L’ARMATA BERTOLEONE (O INCRÍVEL EXÉRCITO DE BERTOLEONE)

Nelson Dias de Azevedo:

Em texto recente (Linha de Conduta), publicado aqui no mundo fubâncico, o excepcional JRGuzzo exemplifica o motivo do Jornal da Besta (besta é quem não acessa o JBF) Fubânica possuir tantos leitores fieis.

Escreveu ele:

“O começo, o meio e o fim dessa história toda se resume numa noção bastante simples: um órgão de imprensa não vive nem morre em função do que publica ou deixa de publicar, e sim em função da confiança que os leitores têm ou não têm nele. (…) ou o público confia ou vai embora sem dizer nada, e em geral não volta nunca mais”.

Ótimo ano para o editor-chefe e a todos os colunistas iluminados que dão expediente nesta gazeta maravilhosa.

* * *

4 pensou em “BESTA É QUEM NÃO LÊ A BESTA

  1. Guzzo, que tem uma excelente escrita, está num dilema. Trabalha para o Estadão, provavelmente sua principal fonte de renda e tem que seguir a linha do jornal, no que é resumido por sua própria pena, no citado artigo:

    “Os comunicadores, na verdade, estão viajando num bonde mais ou menos mundial – destinado, em geral, às classes médias altas, à população intelectual-cultural-artística e aos políticos dessa vasta sopa que vai da meia-esquerda em diante, e faz meia-volta na direção dos políticos que neste momento querem parecer “de esquerda””.

    J. R. tem uma linha de pensamento normalmente voltada ao conservadorismo de direita, porém tem que acompanhar a guinada do outrora jornal conservador Estadão.

    Vai para a lata do lixo junto do Jornalão.

    Não sou eu que o estou patrulhando, é a história.

Deixe uma resposta para Cícero Tavares Cancelar resposta