ARISTEU BEZERRA - CULTURA POPULAR

VALE A PENA VIVER

Cair faz parte da caminhada
Pois o homem é imperfeito
Somos feito uma mistura
De qualidade e defeito
Tendo vontade e coragem
Remonta-se a imagem
Conquistando o respeito.

SER RACIONAL

Um mundo conturbado
Pessoas usam emoção
Costumam enerva-se
Evitando a razão
Devem ter lucidez
Pra evitar morbidez
Na mente e coração!

VIAJAR NÃO É REMÉDIO

A cura para o tédio
Dizem que é viajar
Perdão, não acredito
Não tem como concordar
Pois se está quebrado
O seu bolso furado
Como o ticket comprar?

COOPERAR É PRECISO

A vida não é competir
Temos de nos superar
Ajudar ao que cair
Dá a mão pra levantar
Não discriminar ninguém
A todos cooperar!

QUANTA SAUDADE CABE NO CORAÇÃO!

Queria muito conhecer
Detalhes do coração
Dizem ser um local bom
Onde mora a emoção
Saudade é na memória
É fruto de uma história
Consequência da razão.

POETA NOTA 10

Leonardo Bastião
Poeta analfabeto
Diplomado em poesia
Na rima é completo
Na metáfora é sublime
O seu verso imprime
Magia, graça e afeto.

5 pensou em “ALGUNS POEMAS BREVES

  1. Os poemas breves conseguem transmitir em poucos versos muito conteúdo. É necessário ter o poder de sintetizar. Chamou-me atenção o primeiro poema porque eleva a autoestima. Ninguém tem maturidade para tomar sempre medidas corretas na caminhada da vida. Nós aprendemos com os nossos erros e com os erros dos outros. O caminho se faz ao caminhar, como alguém disse com sabedoria. Devemos ter a humildade de pedir perdão quando necessário e exercitar o autoperdão para se libertar da culpa, mágoas e ressentimentos. Lembro que perdoar é uma das atitudes mais nobres que o ser humano pode tomar em relação aos outros. Saber perdoar o próximo é essencial para a manutenção das relações interpessoais.

  2. Vitorino,

    Muito obrigado pelo comentário com uma análise corretíssima do meu poema. Concordo com sua reflexão sobre o perdão. As suas generosas palavras me incentivam a ousadia de fazer versos.
    Aproveito esse espaço democrático do Jornal da Besta Fubana para compartilhar um poema de minha autoria com o prezado amigo:

    OSTRACISMO

    O poder é temporal
    A pessoa tem uma ilusão
    Uma distorcida visão
    Que seu cargo é vital
    Não é uma trilha legal
    Acaba a alegria
    Vive com monotonia
    O seu dia fica sem cor
    Ostracismo é uma dor
    Pior que melancolia.

    Saudações fraternas,

    Aristeu

  3. Parabéns pela ótima postagem, prezado colunista Aristeu Bezerra! Seus “poemas breves” são bonitos, inteligentes e verdadeiros, sem exceção! Você é um grande poeta!

    Entre eles, destaco:

    “VALE A PENA VIVER

    Cair faz parte da caminhada
    Pois o homem é imperfeito
    Somos feito uma mistura
    De qualidade e defeito
    Tendo vontade e coragem
    Remonta-se a imagem
    Conquistando o respeito.”

    Continue brindando seus leitores, com seus poemas bonitos e otimistas!

    Grande abraço e uma excelente semana!

    Violante Pimentel Natal (RN)

  4. Violante,

    Agradeço sua generosidade. Suas palabras têm excelente energia e elevam a minha autoestima. Quando vem a inspiração, os versos fluem de forma prazerosa. Poesia torna a vida mais amena, principalmente, quando estamos vivendo tempos de pandemia. Aproveito a ocasião para compartilha um poema de minha autoria com a prezada amiga:

    QUEM AO OUTRO AJUDA
    NÃO SENTE A SOLIDÃO

    Ter um bom pensamento
    E ser assistencial
    Tratar de foma igual
    Quem está no tormento
    Este é o talento
    De quem tem bom coração
    Pra se doar ao irmão
    Pois quem ama cuida
    Quem ao outro ajuda
    Não sente solidão.

    Desejo uma semana plena de paz, saúde e serenidade

    Aristeu

  5. Adorei este poema, poeta Aristeu! Obrigada por compartilhar comigo.
    O mote, cheio de sabedoria, exprime a solidariedade humana, que deve haver em relação aos mais necessitados.
    Essa Pandemia, que a humanidade atravessa provou que todos os seres humanos são iguais, perante o Criador. Até a Ciência se ajoelhou diante de Deus!
    Quando passar essa tempestade, acredito que a humanidade irá se sensibilizar mais, diante dos necessitados e o espírito de solidariedade será bem maior.

    Grande abraço! Muita saúde e Paz!

    Violante

Deixe uma resposta