FRANCISCO ITAERÇO - MEUS RISCOS E RABISCOS

Ah se o homem quisesse!
Passar a limpo o passado
Reescrever sua história
Sem cometer o pecado
De querer se igualar a Deus
Com tamanhos predicados

Ah se o homem quisesse!
Deveras, repartir o pão
Semear a concórdia
Entre todos os irmãos
Esquecer a conduta sórdida
Que o impede de estender a mão

Ah se o homem quisesse!
Tornar feliz a humanidade
Pelo amor, pela tolerância
Pelo respeito, pela igualdade
Talvez, quem sabe…refletisse
A essência divina da santidade

Bastaria que o homem
Usasse a sabedoria
Escrevesse leis amenas
Em versos, rimas e poesias
O mundo seria um poema
Ao invés de uma utopia.

6 pensou em “AH SE O HOMEM QUISESSE!

  1. Muito bom Essa última estrofe me lembrou Drummond:”mundo vasto mundo. Se todos fossem Raimundo, seria apenas uma rima, não uma solução”

    • Meu querido amigo Mauricio Assuero, dizer que uma poesia minha lembra o Drummond é uma honra, ele o Drummond deve estar se revirando na cova. rsrsrsrsrsrsrsrsrs. Obrigado meu amigo.

      Itaerço
      Imperatriz-ma

    • Meu querido amigo Goiano velho de guerra, como eu gostaria que o tempo não passasse, eu continuasse jovem, muito embora burro. Quanto ao seu comentário mexeu com meu ego, você sempre generoso com esse seu discípulo. Um abraço meu amigo.

      Itaerço
      Imperatriz-ma

    • É meu querido irmão Jesus de Ritinha Miudo, infelizmente o homem está pouco se lixando para os ensinamentos de Cristo todos só querem se dar bem principalmente nossos políticos. Obrigado meu irmão, fico feliz em saber-me lido e comentado por você. Um forte abraço.

      Itaerço
      Imperatriz-ma.

Deixe uma resposta