CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

Dom Luiz Berto:

Enquanto o deputado Paulinho da Força (Solidariedade-SP), descaradamente confessou, ontem (1º de maio), porque seu grupo, que é o dos deputados do Centrão, cria tantos embaraços para aprovar a reforma da previdência:

– NÃO QUEREMOS UMA REFORMA QUE GARANTA A REEELEIÇÃO DE BOLSONARO!!!…

no que, pelo mesmo motivo – e sem se importarem com o presente e futuro das aposentadorias dos trabalhadores – é totalmente apoiado pelos “políticos-galinhas” LULOPETISTAS e seus puxadinhos, que não querem perder seus “dereitos”, “mamatas” e escandalosas mordomias.

Enquanto o “NHONHO” que insiste em ser o presidente de fato do país – do alto dos seus raquíticos 70 mil votos, mas com o apoio do CENTRÃO ME-DÁ-UM-BOM-CARGO-E-UM-MONTE-DE-DINHEIRO-AÍ!!! – declarar, ditatorialmente, que:

“TUDO DEVE PASSAR PELO CONGRESSO!!!”…

Enquanto não enjaulam os criminosos ladrões e pseudos políticos LULOPETISTAS e achegos (que todos sabem os imundos nomes) e não cassam as suas, também, criminosas seitas, apelidadas de partidos: PT (Partido dos Trapaceiros ), PSOL (Psicóticos Sociopatas Oligofrênicos Lunáticos ), PC do B (Partido da Canalha do Brasil) e outros puxadinhos, além do PMDB (Partido Me Dei Bem), PSDB (Partido Só De Bananas), PP (Puta Pariu) e outros assemelhados…

Enquanto o$ chicanista$ TOFODIDO RÁBULA-DE-PORTA-DE-CADEIA, GILMÁFIA BEIÇO-DE-BUCETA-DE-ÉGUA-NO-CIO e LIVRANDÓVI$QUI FILHINHO-DA-COMADRE-DA-FALECIDA mandam e de$mandam no $TF ($Ó TRAMOIA$ e FALCATRUA$), estuprando a Constitutição da qual deveriam ser os guardiões – e fazendo tudo e de tudo para embaraçar e/ou acabar com a Lava-Jato e libertar o$ $eu$ crimino$os de e$timação…

Enquanto as GALINHAS LULOPETISTAS – que como toda a galinha têm um micro cérebro e adoram tomar no cu, para, masoquistamente felizes, saírem a cacarejar mentirosos elogios ao seu sádico ex-estuprador-mor e asseclas…

Enquanto as GALINHAS LULOPETISTAS – agora (com a abtenção forçada de seu prazer sexual doentio) estão totalmente frustadas, desconsoladas, histéricas (porque sabem que ele – o LULADRÃO -, pelos demais julgamentos que virão), só sairá da sua gaiola vestido de um “paletó-de-pinho”…

Enquanto as GALINHAS LULOPETISTAS – desesperadas no seu cada vez maior saudosismo anal tresloucado (com o apoio da PROSTITUTA e CHANTAGISTA GRANDE MÍDIA AMIGA, furiosa pelo não recebimento de generosas verbas que lhe sustentavam e sustentam) ficam a inventar e a espalhar todo tipo de acusações fantasiosas, falsas notícias e/ou distorcidos fatos sobre seus opositores – do Presidente da República ao seu mais simples eleitor…

Enquanto as GALINHAS LULOPETISTAS estão entre a cruz e a espada: Não sabem se ficam ou na fila para uma visita íntima – para levar uma “golden shower“com sabor de boteco do REPUGNANTE DEMIURGO LULADRÃO ou (garganteando, logicamente!!!) se entram nas imaginárias filas de aloprados mercenários esquerdopatas que pretendem se alistar para “ralar o rabo” junto as tropas dos “valientes 2.000 generales” tão corruptos quanto “el usurpador del Palacio de la Moneda” – o também NARCOTRAFICANTE EXPRESIDENTE MADURO…

Enquanto as GALINHAS LULOPETISTAS não são explusas dos seus virulentos criadouros (usados e abusados por auto-apelidados professores) e dos imundos galinheiros (freqüentados por “alunos-zumbis”) que tornaram-se ultra-infectos locais de ensino, isto é, de doutrinação e apoio irrestrito a todo esquerdopata e à toda esquerdopatia nacional e internacional – desde o ensino pré-primário ao universitário – e não os submete a uma radical desinfecção e total higienação predial, mental e intelectual…

Os CORAJOSOS (e bota CORAJOSOS nisso!) PATRIOTAS VENEZUELANOS – já quase sem nenhuma comida, sem nenhum medicamento, sem nenhum emprego, sem nenhuma segurança – (cuja pátria já foi a mais rica da América Latina e cuja inflação não demora a chegar a 10.000.000%), que há muito tempo insistem em sair às ruas (enfrentando, diuturnamente, as nuvens de gases sufocantes, os propositais atropelamentos pelas “tanquetas” e, de peito aberto, os mortais disparos indiscriminados e contínuados das assassinas milícias narcobolivarianas!!!), ainda encontram forças suficientes – para protestar e cantar:

“Salimos ayer,              “Saímos ontem,
salimos hoy,                  saímos hoje,
saldremos mañana.      sairemos amanhã.
Estamos en la calle,      Estamos na rua,
de lunes a jueves,         de segunda à quinta,
en el fin de semana.      no fim-de-semana.

Sin miedo,                       Sem medo,
sin armas,                        sem armas,
tomamos las plazas,       tomamos as praças,
trancamos las rutas.       tomamos as estradas.
No descansaremos,        Não descansaremos,
hasta que se vayan        até que se vão (embora
estos hijos de putas.     estes filhos-das-putas.

En las calles,                      Nas ruas,
viviremos,                           viveremos,
hasta que saquemos        até que tiremos
a estos criminales,           estes criminosos,
del gobierno.                   do governo.
En las calles,                    Nas ruas,
nos quedamos,               permanecemos,
hasta liberar                    até libertar
nuestra Venezuela          a nossa Venezuela
deste infierno.                deste inferno.

Veánnos las caras,                 Vejam os nossos rostos,
vamos por ustedes.               vamos por vocês.
Que hugan los cobardes,     Que fujam os covardes,
y el que quiera quedarse,     e o que quiser permanecer,
que se quede.                        que permaneça!

Veánnos las caras,       Vejam os nossos rostos,
vamos de frente.          vamos de frente.
Ni sus gases,                Nem os gases deles,
ni sus balas,                 nem as balas deles,
nos detienen.               nos detêm.
Somos el pueblo,        Somos o povo,
somos Venezuela,       somos a Venezuela,
somos la gente!          somos a gente!

No mas,          Não mais,
{no mas,}       {não mais,}
no mas,          não mais,
{no mas,}       {não mais,}
no mas,         não mais,
{no mas,}      {não mais,}
no mas,         não mas,
{no mas.}      {não mais.}

Queremos paz,          Queremos a paz,
{queremos paz,}        {queremos a paz,}
queremos paz,           queremos a paz,
{queremos paz,}        {queremos a paz,}
queremos paz,           queremos a paz
{queremos paz,}          {queremos a paz,}
queremos paz!!!”        queremos a paz!!!”
{queremos paz!!!”}      {queremos a paz!!!”}

Um baita abraço,

Desde o Alegrete – RS,

Deixe uma resposta