LAUDEIR ÂNGELO - A CACETADA DO DIA

Para quem pensa que essa coluna só tem esterco.

2 pensou em “ACHARAM UM CAGADO

  1. Conheço pessoalmente os pescadores, que pegaram o cágado na tarrafa e o devolveram à água. O Rio Pardo foi muito exaurido ao longo dos anos, e o fato nos alenta, e talvez tenha sido o mote da reportagem. Não vi nada de desabonador ou jocoso, como a postagem fez destaque.

  2. Em momento algum tivemos a intenção de menosprezar o fato em si. Sou um defensor da natureza, dos animais e torço para que a consciência de preservação do meio ambiente se perpetue e ganhe força. A brincadeira foi com a palavra. Só isso. E que bom que pessoas como você se interessem. Nossas matas ciliares precisam ser preservadas e até aumentar nas nascentes, principalmente. Os governos precisam promover trabalhos contra a erosão e assoreamento. A pesca tem que ser mais inteligente e o mais importante; eliminar o lixo, esgotos e defensivos fluindo para rios e o lençol freático. Valeu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *