DEU NO JORNAL

O Tribunal de Justiça de Alagoas anulou o ato administrativo que deu ao ex-presidente e ex-presidiário Lula (PT) – condenado duas vezes por corrupção e lavagem de dinheiro -, o título de “doutor honoris causa” da Uneal (Universidade Estadual de Alagoas).

O título foi entregue em 2017 pelo então reitor, Jairo Campos, militante do PCdoB, num dos fatos que mais constrangeram os alagoanos.

Oito meses depois, o petista seria preso por ladroagem.

Em sua decisão, o juiz Carlos Bruno de Oliveira Ramos, da 4ª Vara Cível de Arapiraca, afirma que “Não é razoável, nem atende à moralidade administrativa conceder honraria a alguém condenado judicialmente e que ainda responde a outras ações penais”.

* * *

Isto é um absurdo!!!

É um absurdo esta decisão do Juiz de cassar o título de Doutor Honoris Causas do maior Dotô Horroroso de Casas e Triplexs que já existiu no Brasil.

Ainda mais um título concedido por um reitor comunista, militante de uma ideologia que, segundo Ceguinho Teimoso, não existe no Brasil.

Nem no Brasil, nem nas Alagoas.

Aqui só existe mesmo a acadêmica e bem fundamentada Filosofia Lulosa, suplantando com folga o besteirol escrito por Marx.

Tiraram o gorro doutorífero do ilustre condenado, do honorável ex-presidiário,  do indiciado em mais outros 13 (êpa!) processos, e substituíram por um pinico cheio de militantes petistas.

Absurdo!!!

7 pensou em “ABSURDO: NÃO PODE SER HONORÁRIO SÓ PORQUE É CORRUPTO

  1. Ficam cassando os título di Dotô e depois teremos que importá medicus cu banos. prestenção, minha gente!!!!!!

    Seu dotô me conhece?/Patativa do Assaré
    Seu dotô, só me parece
    que o sinhô não me conhece,
    nunca sôbe quem sou eu,
    nunca viu minha paioça,
    minha muié, minha roça,
    e os fio que Deus me deu.

    • O malvado juiz Carlos Bruno de Oliveira Ramos, da 4ª Vara Cível de Arapiraca é um homem sem coração. Vai fazer rolar tantas lágrimas, que acabará de vez a tal falta de água que provocou tantos incêndios este ano aqui no Brasil.

      Chora não, Goiano. Sancho, aqui de SBC se solidariza com seu choro petropolitano. Fica triste não… Veja pelo lado bom… Isso deve ser culpa do tal Bolsonaro. Quando ele não for mais presidente o Brasil vai ser feliz de novo…

  2. Isto é o cúmulo.
    Como é que um juiz da roça se atreve a cassar um título dessa natureza, quando o sábio galardeado também o é internacionalmente, como bem dizem os excelsos gestores da universidade de coimbra, lá nos portugal?
    Esse juiz não sabe o que está fazendo.
    Como vai ficar a cara dele, quando o conselho gestor do Prêmio Nobel da Paz, conceder a distinção merecida por essa figura?
    Com cara de tacho?

Deixe uma resposta