DEU NO JORNAL

Referência do nível de esquerda que chegou ao poder, a primeira-dama e ativista Janja não faz ideia de como funciona a economia.

Durante o voo de ida para a China, ela respondeu no Twitter às críticas sobre a taxação de produtos de pequeno valor adquiridos por brasileiros de baixa renda em sites chineses, afirmando que o imposto só será cobrado das empresas e não do consumidor.

Ela desconhece uma regra rudimentar: o imposto é incorporado ao valor do produto, paga quem o consome.

De acordo com a concepção torta da pessoa mais influente do governo Lula, “a taxação é para as empresas e não para o consumidor”.

Pior é que, no post, Janja atribuiu a “explicação” a Fernando Haddad. Se isso é verdade, o ministro da Fazenda também não sabe o que diz.

Em seu texto sem revisão de redator a bordo do Airbus, a “socióloga” de nível superior sentencia: “total errada essa matéria”.

* * *

Vou fechar esta postagem sem comentário.

Coloco apena uma ilustração.

3 pensou em “A SOCIOLOGUEIRA LULENTA

  1. por onde passa deixa muita carisma 🇧🇷👏👏👏👏 eu poderia dizer que tem grande chance de ser presidente do brasil mais com as armações do molusco a ditadura já está implantada só falta o dia para bater o martelo final

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *