A PALAVRA DO EDITOR

O “jornalista” Mario Sergio Conti é colunista da Folha e apresentador da GloboNews.

Duas primorosas bostas midiáticas da atualidade brasileira.

Vejam o que Conti publicou ontem, 7 de setembro, Dia da Pátria, em sua coluna na Folha de S.Verdevaldo:

A chamada “grande imprensa” brasileira, saudosa das gordas verbas públicas, deixou a isenção de lado e passou a ser descaradamente oposicionista desde as últimas eleições presidenciais.

Quando a gente pensa que chegou ao limite da estupidez e da babaquice, ela consegue se superar e produz insanidades da magnitude dessa que está transcrita aí em cima.

Uma clara e indesmentível apologia à violência e à barbárie.

Não tenho a menor ideia de quem seja este tal de Kunkel e não li o texto citado pelo idiota do Conti.

Sei apenas que temos aqui um caso claro de babaca se referindo a outro babaca.

E depois os zisquerdóides ficam bradando que o “discurso de ódio” vem da direita e dos eleitores da Bolsonaros.

É phoda!!!

É pra arrombar a tabaca de Xolinha!!!

Deixe uma resposta