LAUDEIR ÂNGELO - A CACETADA DO DIA

JBF – UM JORNAL SEM FRONTEIRAS

A surpreendente constatação de que este Jornal realmente é atemporal.

Um verdadeiro Almanaque Surrealista que transcende as linhas do tempo e da razão.

DEU NO JORNAL

SEVERINO SOUTO - SE SOU SERTÃO

DEU NO X

RODRIGO CONSTANTINO

ORGIA SUPREMA

O presidente do STF, ministro Luís Roberto Barroso

O presidente do STF, ministro Luís Roberto Barroso

O ministro Luís Roberto Barroso, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), voltou a defender nesta quarta (22) o uso de uma linguagem mais simples no Judiciário, mas fez uma analogia a posições do Kama Sutra, em referência ao famoso manual indiano de sexo.

A fala ocorreu durante o lançamento do Anuário da Justiça Brasil 2024 da editora Conjur, em Brasília, em que Barroso discursava sobre a necessidade do livro para as pessoas conhecerem melhor o Judiciário.

Barroso, no entanto, reconheceu que o meio jurídico “muitas vezes não se ajuda” pela “linguagem hermética excludente que, muitas vezes, dificulta a compreensão do que a gente faz”.

Assim como Lula, Barroso parte da premissa que a alta rejeição ao trabalho supremo se deve à falta de uma comunicação mais efetiva. Ledo engano. Se alguém colocar esterco na mais bela embalagem, ainda assim não vai seduzir muita gente. O problema, em suma, é de conteúdo.

O povo não é bobo e já se deu conta de que o STF tem agido ao arrepio da lei. É este o problema, ponto. Barroso se disse feliz com pesquisa que mostra alta desaprovação do STF, pois diz que seu trabalho é proteger a Constituição, não agradar a todos. E como cada um tem sua interpretação dos fatos, sempre haverá discordância.

Curioso que 99% dos críticos sejam de direita! O STF não desagrada “gregos e troianos”, mas sim “bolsonaristas”, que são perseguidos. A turma do Janones não tem do que reclamar! A esquerda tem um salvo-conduto, os corruptos são protegidos, até os traficantes conseguem decisões favoráveis no STF. Já dona de casa patriota…

“Perdeu, mané. Não amola!” Pelo visto era o Barroso já praticando a linguagem mais popular para melhorar a comunicação suprema. “Nós derrotamos o bolsonarismo”, dito num convescote comunista da UNE, também foi de uma clareza ímpar – e a confissão de um crime, mas isso é outro assunto.

Malu Gaspar, autora de livro sobre a Odebrecht, chamou de “super terça do Judiciário” o dia em que Dirceu, Marcelo Odebrecht, Renan Calheiros e Romero Jucá foram agraciados em decisões generosas de ministros supremos, afirmando que isso “encarna grande acordo nacional”. A fim de seguir a recomendação de Barroso, podemos resumir assim: o STF ferrou com o povo honesto para proteger corrupto!

O editorial da Gazeta foi direto ao ponto: “Toffoli insiste em transformar a Lava Jato em uma enorme conspiração entre magistrados e membros do Ministério Público com objetivos políticos. O que o ministro do STF faz é a inversão pura e simples da realidade”. Eis aí uma linguagem que o povão entende: o STF mente!

Barroso quer linguagem mais simples no Direito, para não abusar de palavrão jurídico que parece posição de “Kama Sutra”. Vamos ajudar: o STF parece advogado defensor de corrupto e pratica orgia jurídica. Não sei ao certo quantas posições o Kama Sutra recomenda, pois não sou especialista no assunto como Barroso parece ser. Mas sejam lá quantas forem, o povo sabe que está sendo “ferrado” de várias maneiras possíveis. Quantas formas há de se rasgar uma Constituição?

DEU NO X

COMENTÁRIO DO LEITOR

CHUPEM!!!

Comentário sobre a postagem NÃO FAÇAM MAIS O “L”

Magnovaldo Santos:

Meu velho pai (que encontre alívio e paz nas dobras do santo manto do Senhor) dizia algo que ficou na minha mente desde então:

“Para cada vigarista que nasce já têm quatro otários esperando”.

Para cada Lula que aparece já têm dezenas de professores… opa, digo de otários, esperando.

Acharam que esse cafajeste estava preocupado com eles?

Ledo engano.

Só se aproveitou desses descerebrados.

Querem alguma coisa?

Vão trabalhar de verdade, seus vagabundos.

Bolsonaro deu o maior reajuste para a categoria!!!

Chupem, felas de raparigas.

LAUDEIR ÂNGELO - A CACETADA DO DIA

SATANÁS NÃO TEM FRONTEIRAS

Nenhuma instituição de poder de âmbito mundial, atualmente, está livre da contaminação maléfica do progressismo de esquerda.

Esse indivíduo pernicioso é o atual Chefe da Côrte Penal Internacional.

DEU NO X

DEU NO X