PEDRO MALTA - A HORA DA POESIA

O OUTRO LADO DA MESMA FACE – Flávio Petrônio

Às vezes em que a tristeza me abraça,
Abraço-a, em plena legitimidade,
Assim como abraço a felicidade
Suspenso pelo seu estado de Graça.

Estar triste é viver o que me enlaça,
Fragmentando o sentido da vontade.
Ser um triste é olhar em contrariedade,
Assistindo a uma névoa que lhe embaça.

Tristeza, execrada em entendimento,
Não deixa de ser mais um sentimento
Depurando-nos com a nostalgia.

Tristeza ocupa o olhar em expansão,
Escondendo a própria contradição
Por ocupar a mesma face que a alegria.

CHARGE DO SPONHOLZ

AUGUSTO NUNES

NÓS E ELES

Dirceu acusa a direita de fazer o que fizeram Lula e seus devotos que roubam com a mão esquerda e embolsam com a direita

“A polarização é a arma da direita para estigmatizar e criminalizar não só o PT e a esquerda como a política e suas instituições, escondendo a verdadeira divisão de nosso Brasil, a vergonhosa e criminosa concentração de renda e a recusa e o abandono do pacto social e democrático de 1988, a renúncia à democracia e o apoio ao golpe parlamentar de 2016”.

José Dirceu, chefe da Casa Civil do governo Lula, condenado a mais de 30 anos de cadeia por excesso de bandalheiras, fingindo que foi a “direita”, e não Lula e o PT, quem dividiu o país entre “nós” e “eles”.

JESSIER QUIRINO - DE CUMPADE PRA CUMPADE

A PALAVRA DO EDITOR

VAI TER CHORO HOJE!!!

Dica para os leitores fubânicos residentes em Brasília:

Grande espetáculo hoje, quinta-feira, na Galeria Mundo Vivo, que fica na CLN 413, Bloco D.

Pedro Berto vai brilhar com o seu bandolim.

Ele tem duas grandes qualidades: é bonito e talentoso que nem o avô, o Editor desta gazeta escrota!!!

* * *

Pedro Berto executa o choro Pagão no bandolim, acompanhado de João Ferreira no violão

DEU NO TWITTER

CORRESPONDÊNCIA RECEBIDA

SEVERINO SOUTO - SE SOU SERTÃO

DEU NO JORNAL

TENTANDO TRANSFORMAR A VAGABUNDAGEM EM LEI

Como fazer demagogia é livre, o deputado Reginaldo Lopes (PT-MG) propõe reduzir para 36 horas a jornada semanal de trabalho.

Ou seja, uma redução de 22% das atuais 44 horas.

Mas sem reduzir salários.

* * *

Falou em vagabundagem, tem que ter gente do PT à frente da iniciativa.

Não é por acaso que Lula, o Vagabundo-Mor, é o proprietário do bando.

Ele dorme até durante o expediente

DEU NO TWITTER