ARAEL COSTA – JOÃO PESSOA-PB

Bom dia, estimado Berto

Cumprindo o desiderato dos aposentados ainda relativamente “inteiro”, acabo de ler na coluna ou blog do Cláudio Humberto esse artigo, de autoria de um diplomata que serviu na Embaixada brasileira em Portugal, na gestão de José Aparecido, que tomo a liberdade de repassar para suas mãos, mesmo desconfiando do mesmo já ser de seu conhecimento.

Além de ser um dos poucos que fazem justiça àqueles tempos, notadamente à capacidade do então embaixador, o autor – Miguel Gustavo, nos dá mais um traço da personalidade camaleônica e escorpiônica do ex-presidente FHC, infelizmente, ainda hoje tentando meter sua colher onde não deve, pois da mesma laia ou integrante da laia que expulsamos do poder, recentemente.

Além de ter, com este escrito, mais uma confirmação do espírito malsão do FHC, ponho-me, como diziam os antigos, em “êpas”, com o noticiário a respeito da morte de ‘santa’ Mariele, elevada aos píncaros da glória por uma imprensa que mostra, com facilidade, a sua bunda suja.

Como disse, em seu blog, hoje, o Josias de Souza, ainda há muito a que se descobrir sobre esse assunto, notadamente, acredito (meu pensamento) se revelada a ficha de antecedentes dessa figura, suas ligações, sua vida pregressa.

Quem sabe, vamos ter por aí um novo “A morte e a morte de Quincas Berro D’Água”, como novo enredo e novos personagens, talvez mais ilários ou grotescos.

Por outro lado, espera-se que o sistema policial banânico, entusiasmado ou invejando o sucesso do segmento carioca, se tome em brios e resolva desvendar a morte do Celso Daniel.

Veja lá o que nos diz o Miguel Gustavo, bem no finzinho de seu artigo.

Para ler o artigo, clique aqui

2 Cometários!

“VAMOS TER QUE REGULAMENTAR OS MEIOS DE COMUNICAÇÃO”

O PT divulgou uma nota contra os “ataques” de Jair Bolsonaro à imprensa.

Sim, o PT, aquele que sempre defendeu o controle da imprensa.

* * *

Esta pequena notícia aí de cima eu peguei na página O Antagonista.

Quem quiser ler a nota do PT na íntegra, é só clicar na imagem que está aí embaixo, assinada por Gleisi Amante Hoffman e publicada na página do bando.

Uma obra-prima de respeito à liberdade de comunicação e contra a “regulamentação dos meios de comunicação deste país”, uma frase que era muito usada por uma turminha há bem pouco tempo.

Uma turminha que eu não me lembro qual. Parece que tinha um Gilberto, um Franklin… num sei…

Ando com a memória meio fraca…

Vou transcrever só o primeiro parágrafo:

Em virtude dos ataques que Jair Bolsonaro (PSL) vem promovendo desde as Eleições 2018 aos veículos de comunicação e jornalistas do país, o Partido dos Trabalhadores reafirma seu compromisso com a liberdade de imprensa e reafirma que vai atuar frontalmente para combater os abusos contra a democracia promovidos pelo atual governo seus aliados.

Jair Bolsonaro precisa aprender a respeitar a imprensa. E, mais que isso, aprender a conviver bem com ela.

O atual presidente tem muito a aprender com o PT e com o seu proprietário, o atualmente prisioneiro por corrupção, o Lula, que sempre falou bem e sempre manteve cordiais relações com a chamada grande mídia.

Jair Bolsonaro precisa agir como Lula sempre agiu. Lula mantinha uma relação cordial e respeitosa com todos os órgãos: Veja, IstoÉ, Folha, O Globo, Estadão, Record, SBT e, principalmente, o Jornal da Besta Fubana.

Acabei de remeter para o Capitão alguns vídeos que tratam do excelente relacionamento que Lula tinha com imprensa.

Que é para o atual presidente aprender com o maior estadista que o Planeta Terra já viu como se deve tratar jornais, revistas, rádios e televisões.

6 Cometários!

IMPUNIDADE

Transferir totalmente para a Justiça Eleitoral casos de corrupção e lavagem de dinheiro que resultaram em caixa 2 é como entregar investigações sobre tráfico internacional de drogas a guardas municipais ou perícias de quedas de Boeings a praticantes de aeromodelismo. Ao permitir essa aberração, o STF chancelará a impunidade. (O Antagonista)

Deixe o seu comentário

ATENTADO VIRA PALANQUE PROS CANALHAS

O massacre em Suzano deixou o Brasil chocado. E com os corações repletos de pesar, a maioria dos Brasileiros aguarda que não só a justiça seja feita, como também uma melhor preparaçlão por parte da nação para que atentados como esse não se repitam mais em nosso solo.

Porém, para a surpresa de ninguém, visto que eles fazem isso com os cadáveres de seus próprios familiares, a esquerda resolveu transformar essa tragédia em palanque, e tão logo o atentado foi noticiado, os esquerdistas já estavam prontos para vomitar sua chuva de argumentos ideológicos.

Gleisi Hoffmann disse: “Toda solidariedade às vítimas da escola de Suzano. Tragédias como essa resultam do incentivo à violência e à liberação do uso de armas. O Brasil precisa de paz”.

José de Abreu, o piadista que pensa que se autoproclamar presidente faz do ditador genocida Maduro um democrata eleito, disse, em resposta ao comentário de Joice Hasselmann, que a culpa é de Bolsonaro: “Responsabilidade de seu Capitão fascista e sua que o Apoia!”.

A psolista Luiza Erundina disse que a culpa é de João Dória: “É um absurdo a incompetência desse governo de SP que não garante segurança sequer nas escolas do Estado.”

A comunista da elite carioca, Jandira Feghali, também deixou seu discurso ideológico registrado nas redes: “A quem interessa um país dividido pelo ódio e armado? Quantas tragédias mais teremos que viver? Quando haverá paz para as famílias destroçadas pela violência? Armas não são a solução.”

2 Cometários!

VOCÊ ACREDITA EM COINCIDÊNCIAS?

São tantos indícios e ligações que nos levam a acreditar que nosso Presidente da República aceita, conforma-se, ou participa de milícias, que chega a dar calafrios. No próximo dia 19/03 o Presidente Capitão estará embarcando para os Estados Unidos para encontrar-se com o galegão Donald Trump. NY Times já destacou que “a família Bolsonaro está sob escrutínio por seus laços profissionais e pessoais com suspeitos de atuarem como milicianos”

Vamos aos fatos.

O acusado de ser o executor da vereadora Marielle Franco morava no mesmo condomínio do nosso Presidente Bolsonaro.

Respondendo a uma pergunta de jornalista, o delegado responsável pelas investigações da morte de Marielle Franco, Giniton Lages, disse que um filho de Jair Bolsonaro namorou com uma filha de Ronnie Lessa, preso hoje acusado de ter matado a vereadora. (O Antagonista 12/03)

“Foragido desde 22/01/2019, quando teve início a operação “Os Intocáveis”, o ex-capitão do Batalhão de Operações Especiais (Bope) Adriano Magalhães da Nóbrega, de 42 anos, é hoje, um dos homens mais procurados do país” (O Globo, 29/01) Mãe e esposa do foragido foram lotadas no gabinete do então deputado estadual Flávio na Assembleia Legislativa do Rio, mas o filho do presidente diz não ter sido responsável pelas nomeações. Quando foi homenageado com a maior condecoração concedida pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), a Medalha Tiradentes, por iniciativa do então deputado estadual Flávio Bolsonaro (à época filiado ao PP, hoje senador eleito pelo PSL), o então policial militar Adriano Magalhães da Nóbrega estava preso por suspeita de homicídio. (Estadão 24/01)

Raimunda Magalhães, mãe de Adriano Magalhães da Nobrega, é mencionada no relatório do COAF como sendo responsável por parte dos depósitos feitos na conta do ex-motorista Fabrício Queiroz. (El País, 22/01). Esse mesmo Fabricio Queiroz que depositou dinheiro na conta da Primeira Dama Michelle Bolsonaro e que o Capitão Presidente reconheceu ser parte do pagamento de um empréstimo.

Valdenice de Oliveira Meliga, irmã dos policias militares Alan e Alex Rodrigues de Oliveira – milicianos presos em agosto do ano passado, na operação “Quarto Elemento” – funcionária do então deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e tesoureira de sua campanha ao Senado no ano passado, possuía uma procuração e inclusive, assinava cheques em nome do filho do presidente. (O Globo 22/02)

Fala de Flávio Bolsonaro na ALERJ em 2007: “a milícia nada mais é do que um conjunto de policiais, militares ou não, regidos por uma certa hierarquia e disciplina, buscando, sem dúvida, expurgar do seio da comunidade o que há de pior: os criminosos” Normalmente os milicianos são acusados de extorsão de moradores e comerciantes, agiotagem, pagamento de propina e grilagem de terras.

Eu votei a vida toda no Capitão Bolsonaro. Em todas as candidaturas a deputado e no ano passado para presidente. Estou surpreso com essa possível e desastrosa ligação dele com essas facções criminosas. O que me conforta é saber que não sou o único que anda com essa sensação de ter sido traído. Tenho certeza que a essa altura do jogo, nosso Ministro da Justiça deve estar com a mesma sensação de frustração do que eu e boa parte dos eleitores que escolheram o Capitão em 2018. Com o agravante dele ter colocado sua reputação a serviço de um governo tão ameaçado. Mas, estamos juntos Moro, eu votei contra o PT, a favor do Brasil e você colocou seu trabalho a serviço da Nação, não a serviço de Bolsonaro. Agora precisamos que Jair Bolsonaro cumpra o que prometeu: “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”

Liberte-se Capitão.

2 Cometários!

CÍCERO TAVARES – RECIFE-PE

Caro editor Luiz Berto:

O desespero por seu chefe-mor está preso transforma Gleisi Hoffmam no fera!

Decididamente Gleisi Hoffmam é uma psicopata domestica na seita petista, com o cérebro artificial pronto para qualquer ato de insanidade contra quem quer que seja para provocar uma tragédia e defendê-la em favor do seu instinto proselitista- petista-doentio.

Tal qual uma Adolf Hitler de saia, a Amante não mediu as conseqüências e não teve o pudor de sentenciar, assim que soube da tragédia de Suzano:

“Toda solidariedade às vítimas da escola de Suzano. Tragédias como essa resultam do incentivo à violência e à liberação do uso de armas. O Brasil precisa de paz”.

O presidente Jair Bolsonaro e seus ministros têm de ter muita cautela para conduzir o País antes essas feras. Qualquer vacilo o fumo entra!

O Brasil, decididamente, não é para amadores!

4 Cometários!

VAIDADE – Jenário de Fátima

Quanta gente, que se acha tão bonita.
Como apenas, só a beleza contasse,
E nunca expõe aquele monstro que habita
E se esconde, sob sua bela face.

Quanta gente, em quase nada acredita
Passa a vida, como só a incomodasse
A ausência de um espelho que reflita
O seu rosto, em qualquer lugar que passe.

Quanta gente, ao cuidar só da beleza.
Se esquece que no âmago se revela
Uma parte, onde a humana natureza

Leva a Deus, que vê tudo do seu jeito.
Pois da carne, inda que seja a mais bela.
Só os vermes tirar-lhe-ão algum proveito.

Colaboração de Pedro Malta

Deixe o seu comentário