TERRORISTA IRRECUPERÁVEL

Battisti admite que cometeu os quatro assassinatos e aproveita para jurar que está arrependido, embora não se arrependa de nada

“Os quatro assassinatos, os três feridos e uma enxurrada de roubos para autofinanciamento, é verdade. Eu falo das minhas responsabilidades, não vou nomear ninguém. Foi uma guerra justa, mas peço desculpas. Percebo o mal que causei e peço desculpas às famílias das vítimas”.

Cesare Battisti, terrorista italiano, em depoimento às autoridades do seu país, admitindo que matou as quatro pessoas que sempre jurou nunca ter matado, que feriu outras três que garantiu nunca ter ferido e que roubou bastante, embora sempre tenha dito que nunca roubou nada, aproveitando para afirmar que está arrependido, embora não se arrependa de nada.

Deixe uma resposta