5 comentários em “QUEM DISSE ISSO?

  1. A fala de Lula ao dizer que “uma mulher não pode ser submissa ao homem por causa de um prato de comida, ela tem que ser submissa a um parceiro porque ela gosta dele e quer viver junto com ele” simplesmente apresentando o contexto do discurso proferido por nosso querido animal em 2010 e acrescentando que basta substituir “dependente” por “estar preso” para sentir que essa besta do Lula falava não de submissão, mas da LIBERDADE DA MULHER!
    Leia o trecho a seguir e tenha orgasmos esquerdistas!:
    Mas, o que me deixou satisfeito, Sarney, é que, a partir das universidades, eu passei a ser o Presidente da República que mais fez universidades em toda a história da República brasileira. Mais ainda, nós terminaremos este mandato com 214 escolas técnicas, fora a de Bacabeira, que não estava prevista, que agora a Roseana já me deu uma cantada aqui no palanque, portanto, ela vai ter que sair. Porque nós, nós precisamos ter consciência de que não haverá desenvolvimento se não houver investimento na qualificação humana. As nossas meninas, as nossas moças e os nossos rapazes, as nossas mulheres e os nossos homens precisam estar qualificados profissionalmente e isso é através da melhoria da educação, da oportunidade de estudo, porque hoje aqui já tem gente que sabe a diferença entre um homem com profissão e um homem sem profissão, entre uma mulher com profissão e um homem [uma mulher] sem profissão. Muitas vezes, a mulher sem profissão é submissa ao companheiro dela, porque depende do prato de comida que ele põe dentro de casa. E uma mulher não pode ser submissa ao homem por causa de um prato de comida, ela tem que ser submissa a um parceiro porque ela gosta dele e quer viver junto com ele. E um homem nunca será um verdadeiro chefe de família se ele não conseguir cuidar decentemente da sua família. Quando a gente coloca filho no mundo, nós temos que criar, temos que educar e temos que dar de comer. E quem mais precisa neste momento é o povo pobre deste país, e dentre o povo pobre deste país, é
    povo do Nordeste. E é engraçado, Sarney, que eu não fui a uma escola de Economia para aprender isso. Eu via a minha mãe fazer bife para os oito filhos dela. Você sabe que pobre vai ao açougue, ele compra um bife, chega em casa e pega um martelo de amassar carne e bate no desgraçado do bife. Você compra um bifinho deste tamanho, aí você começa a bater com aquele martelinho e fica deste tamanho, mas fica parecendo “gillette”, de fininho. Aí, o que acontece? Uma mãe não dá um bife maior para um ou para outro. Não adianta o Lula, que era o caçula, ficar com dengo, achando que ia ganhar mais. Não! A mãe dá para todos o mesmo pedaço e o mesmo tamanho, ninguém vai comer dois se não tiver dois para todo mundo. Como é que ela faz se tiver um doentezinho? É naquele que ela faz um denguinho maior ou dá uma coisa maior.

  2. LULA É UM PRECURSOS, MUITO ANTES DE BOLSONARO JÁ PROPUNHA DAR PORRADA EM BANDIDO – VEJAMOS O CONTEXTO:
    Fala de Lula em discurso no RJ: “(…) O Rio de Janeiro não aparece mais nas primeiras páginas dos jornais pela bandidagem. O governo fez da favela do Rio um lugar de paz. Antes, o povo tinha medo da polícia, que só subia para bater. Agora a polícia bate em quem tem que bater, protege o cidadão, leva cultura, educação e decência”, disse Lula durante a inauguração da plataforma P-57, em Angra dos Reis (…)”

  3. Não vou tentar explicar essa, apenas lembrar que foi dita quando Lula era ainda um adolescente político (1979, nos estertores da ditadura militar). As atitudes dele em 4 anos de deputado e oito de presidente da república foram em sentido oposto a essa frade de que “Feminismo? Eu acho que é coisa de quem não tem o que fazer.”
    A frase foi dita por Lula ao jornal Lampião da Esquina, em 1979. Fonte: OperaMundi
    Não foi Lula quem disse que só estupra mulher bonita.

    A frase em que ele disse admirar o Hitler por ter uma coisa que ele admira em um homem que é o fogo de se propor a fazer uma coisa e tentar foi infeliz, mas a atuação de Lula nunca foi fascista. Por isso temos a esperançá de que Bolsonaro fará um bom governo, apesar das merdas que ele falava diariamente e continua a falar, como essa de ontem sobre só haver democracia quando as forças armadas quiserem.

    Só para completar, Lula disse: – O Hitler, MESMO ERRADO…
    :

    • Fiquei curioso. Quem disse que só estupra mulher bonita?

      Outra coisa, o governo do Lula teve sim muitas similaridades com o fascismo. Veja aqui o conteúdo do verbete “fascismo” na obra “Dicionário de Política”, de Eda Saccomani: (comentários entre parênteses são meus)

      – Monopolização da representação política por parte de um partido único de massa, hierarquicamente organizado; (O PT nunca escondeu sua admiração por países com modelo de partido único, como Cuba e China).

      – Ideologia fundada no culto do chefe, na exaltação da coletividade nacional;
      (Culto ao chefe? Nem precisa comentar…)

      – Objetivos de expansão imperialista, a alcançar em nome da luta das nações pobres contra as potências plutocráticas; (Ah, os estadunidenses malvados…)

      – Mobilização das massas; (incluindo o MST, o exército do Stedile e as tropas do Boulos)

      – Aniquilamento das oposições, mediante o uso da violência e do terror; por um aparelho de propaganda baseado no controle de informações e dos meios de comunicação de massa; (Seis bilhões para a Globo. Milhões para revistas e blogs “imparciais” como Carta Capital, Isto É, Brasil 247, Paulo Henrique Amorim,…..)

      – Crescente dirigismo estatal no âmbito de uma economia que continua a ser, fundamentalmente, de tipo privado; (Oi, JBS, Grupo X, Odebrecht…..)

      – Tentativa de integrar nas estruturas de controle do partido ou do Estado, de acordo com uma lógica totalitária, a totalidade das relações econômicas, sociais, políticas e culturais; (hegemonia do pensamento de esquerda nas universidades – via patrulhamento e favoritismos; na mídia – via lei Rouanet e ativismo cultural; nas escolas – via aparelhamento do MEC; nas relações de trabalho – via distribuição de bilhões para sindicatos e centrais; etc;etc;etc.

    • Esquerdopata é uma merda. Lulla foi facista sim. Só nao foi mais porque houve resistencia.
      – O que ele fez com a moça do Santander q emitiu uma opiniao e q se mostrou correta no final.
      – Tentativa de controlar a imprensa.
      – Montar seu exército, ainda bem q de incompetentes liderados por Stédille, outro criminoso ainda solto, , através de MST e MTST….
      – Confessar mentiras como piada, em relação ao numero de crianças na rua, achando que seria inimputavel….

      Crimoso e facista sim, só que mais covarde que Hitler, pois nunca se arriscou em nada, pois nao sabe de nada, nao tem nada e desleal, pois entregou os criminosos q o apoiaram. Um verdadeiro crápula……

Deixe uma resposta