PALAVRAS DE UM POLÍTICO BANÂNICO

O senador Marcelo Castro (MDB-PI) protestou ontem contra a aprovação da proposta do pacote anticrime que criminaliza o caixa 2 com até 5 anos de prisão.

Ele disse que eventual esquecimento na prestação de contas deveria ser punida no máximo com perda do mandato.

E eu vou para a cadeia, cinco anos de cadeia? Isso não tem pé nem cabeça. Nós estamos entrando num caminho aqui que precisa de uma reflexão. Vamos parar, vamos raciocinar, vamos pensar. Eu topo: pegou caixa dois, perdeu o mandato, saio tranquilo e vou casa para viver com minha família. Agora ir para a cadeia? Tá doido! De jeito nenhum!

É inacreditável esta declaração.

* * *

Não acho inacreditável.

Isto é perfeitamente crível e coerente com o ambiente político do nosso parlamento federal.

Pra um país que já teve o PT na presidência da república, a cagada oral deste cabra safado é fichinha.

Ele merece fazer companhia a Lula.

Marcelo Óleo-de-Peroba Castro: o broche de senador na lapela e o sorriso cínico na boca, com os dentes arreganhados mangando de quem votou nele

7 pensou em “PALAVRAS DE UM POLÍTICO BANÂNICO

  1. O Lula já dizia no tempo do Mensalão que caixa 2 era não era nenhum crime. Tem senador que está com medo e ser CUMPANHEIRO de cela….

  2. Papa Berto, bom dia.

    Político brasileiro deveria ter o mesmo simancol do político coreano. Lá quando um político é pego fazendo caixa dois, recebendo um jabaculê, eles se matam…. ou mesmo o costume da Coreia do Norte. Lá político pego fazendo safadeza é morto com míssil terra-ar. Sai um pouco caro, é verdade, mas a economia no longo prazo valeria a pena gastar uns caraminguás com o míssil.

  3. .
    esse FÈLA – não se pode nem dizer Fèlinha, pois É um FÈLÃO –

    JÁ C.O.N.F.E.S.S.O.U !!! !!! !!!

    q qui falta para aplicar pena DECUPLICADA ???

Deixe uma resposta