O PROPRIETÁRIO É QUEM MANDA NO ESTABELECIMENTO

Lula bateu o martelo, e Gleisi Hoffmann continuará no comando do PT, informa Bela Megale, em O Globo.

O anúncio deve ser feito nos próximos dias.

Haddad, o poste, perdeu de novo.

* * *

Quem manda no estabelecimento é o proprietário.

E ponto final.

É o centralismo democrático lulaico vermêio-istrelado.

Vejam esta nota esclarecedora, publicada ontem na coluna da militante petista Mônica Bergamo, aquela que entrevistou Lula na cadeia e que é colunista da Folha de S. Verdevaldo:

A expressão usada por Mônica, Lula autoriza PT, dispensa comentários.

O dono da bodega chamada PT, o partido mais “democrático” de Banânia, é quem dá ordens. Os empregados apenas obedecem.

Vou aproveitar este assunto pra pedir a Ceguinho Teimoso, especialista em pesquisas na internet, que nos faça um favor.

É o seguinte:

Há muitos e muitos anos, bem antes do PT chegar ao poder e fuder o Brasil, o partido realizou uma eleição interna para escolher o seu presidente.

Lula era o candidato único.

Aí, em cima de hora, Suplicy resolveu lançar sua candidatura, pra concorrer com Lula, alegrando que a disputa seria mais saudável.

E Lula reagiu de imediato: disse que só participaria da eleição se fosse ele sozinho como candidato.

Resultado: Suplicy, convencido pela cumpanherada, retirou sua candidatura.

Pesquisa aí essa história, Ceguinho.

E manda um link pra gente publicar.

“Tu tás fora, cumpanhero. Já dei a ordem democraticamente: o candidato a prefeito de Sum Paulo vai sê o cumpanhero Cardozo”

8 pensou em “O PROPRIETÁRIO É QUEM MANDA NO ESTABELECIMENTO

  1. Na linguagem da bandidagem, mais adequada ao bando PT, o que Lula fez chama-se “salve geral”.

    Monica Bergamo precisa chamar as coisa por seu verdadeiro nome.

  2. Não precisa pesquisar porque foi exatamente assim. Além do mais, ele afastou-se de Suplicy. Passou a não recebê-lo mais. Demitiu, por telefone e pela imprensa, o ministro Cristóvão Buarque.

  3. Pelo que entendi, o Lula não queria que o Suplicy, concorresse a prefeitura de SP.
    Inclusive, tentou falar com o Lula, mas não era recebido.
    Lula queria que ele tentasse o senado. Ele não concordava.

    https://www.folhadelondrina.com.br/politica/pt-ameaca-tirar-candidatura-de-suplicy-a-reeleicao-563068.html

    https://www.gazetadopovo.com.br/vida-publica/eduardo-suplicy-diz-que-mantera-pre-candidatura-em-sao-paulo-aexjxtk07qunezeza30tf4h8u/

    Quem aqui for de Pernambuco, deve se lembrar, quando o Lula deu ordem para o Humberto Costa ser o candidato, mesmo após prévias. Tirou Marília Arraes da disputa para governador e mandou o PT apoiar o Paulo Câmara. Aliás uma cena linda de ser ver: Marília Arraes e Jarbas Vasconcelos de mãos dadas com Paulo Câmara.

  4. Segundo o filósofo Chico de Oliveira, pernambucano, fundador do PT, no programa Roda Viva de 02/07/2012; Lula não tem caráter. É um aproveitador oportunista.

    Isso não é um adorador da seita que diz, é o responsável pela sua criação. Portanto não podemos discordar de quem conhece a criatura na sua entranha, seu interior.

  5. 9 de abril de 2018

    “São Paulo, 9 de abril de 2018

    Querido Presidente:

    Ao expressar que queria estar junto com você, caso fosse preso, pensei nos milhões de brasileiros e brasileiras que tiveram uma melhoria tão positiva durante o seu governo que também gostariam de fazer o mesmo. Quero logo estar em Curitiba com a Gleisi e outros companheiros. Todavia, por causa de alguns dias de pouco sono e tanta tensão, como soube, houve um momento em que senti muito fraco e vomitei durante a celebração religiosa com a sua tão bela fala. Procurei desde então descansar.

    Hoje pela manhã meu médico me diagnosticou que estou com pré-pneumonia, que requer descanso. Assim preciso adiar minha viagem à Curitiba e possível visita a você, caso o juiz Sérgio Moro permita. Daqui de São Paulo estarei dando toda a força a você e para que a justiça reconheça a sua inocência”

    (Assinado) EDUARDO SUPLICY

  6. A carta que o Goiano transcreveu reforça, é muito, a escrotidão do chefe.

    Como Lula pôde humilhar e destruir pessoa tão boa e leal como Suplicy, cujo único pecado, além de ser petista, foi exigir democracia no partido?!

  7. Suplicy é O Bicho, leal mesmo.

    ” Temendo levar o cartão vermelho do PT e ficar sem legenda para disputar a vaga ao Senado, em 2014, senador Eduardo Suplicy (PT-SP) escreve carta ao ex-presidente Lula em que pede para não ser sacrificado:”

    “Há apenas uma hipótese de eu abrir mão de disputar o Senado em 2014: caso você queira disputar”, diz ele, demonstrando que só ao ex-presidente ele cederia a vaga de bom grado; confira o documento.

    Senador desde 1991, Eduardo Suplicy (PT-SP) está com medo de ser sacrificado pela cúpula do PT, que gostaria de oferecer sua vaga a eventuais aliados, na tentativa de formar uma chapa forte para o Palácio dos Bandeirantes, em 2014. Correndo o risco de ficar sem legenda para a disputar a própria reeleição, Suplicy escreveu uma carta ao ex-presidente Lula e tornou público seu conteúdo. Leia abaixo:

    Sempre teríamos na transparência de nossos atos e na ética da vida pública os valores fundamentais do PT, foi o que muitas vezes ouvi de você. Nesses 33 anos de militância honrei esses valores e objetivos.

    Quero lhe transmitir pessoalmente a minha disposição de ser candidato ao Senado em 2014 e naquela casa continuar a honrar o PT. Tenho procurado marcar um encontro pessoal, há meses, mas por alguma razão tem sido sempre adiado.

    Gostaria de relembrar que, em 2011, quando éramos cinco os pré-candidatos a prefeito de São Paulo, você convocou os demais para dialogarem com você no Instituto Lula para que desistissem em favor de Fernando Haddad. Imagino que tenha avaliado que não precisava conversar comigo.

    Há cerca de duas semanas, conforme soube pela imprensa, houve reunião no Instituto Lula, em que estiveram presentes os presidentes nacional e estadual, Rui Falcão e Edinho Silva, outros importantes dirigentes e pelo menos oito prefeitos do PT. Não fui convidado, embora ali se tenha discutido a campanha de 2014, os procedimentos para a escolha do nosso candidato ao governo de São Paulo, ao Senado e possíveis coligações. Segundo o divulgado, os presentes teriam solicitado à direção organizar uma pesquisa de opinião para saber qual o candidato a governador mais viável. Ademais, cogitou-se a possibilidade de que eu pudesse ser candidato a deputado federal para fortalecer a legenda do PT, com a informação de que caberia a você convencer-me desta alternativa.

    Considero justo que o PT me aponte como candidato ao Senado. Por uma questão de respeito à minha contribuição para o PT desde a sua fundação e também por ter sido eleito por votações cada vez maiores para o Senado, em 1990 com 4.229.706 votos, 30%; em 1998 com 6.718.463, 43,07%; em 2006, com 8.986.803 votos, 47,82%.

    Poderemos fazer uma prévia aberta a todos os filiados e eleitores interessados em participar como mais e mais se faz em todos os países democráticos. Lembro que José Dirceu certa vez defendeu que nossas prévias deveriam ser abertas a todos os eleitores.

    Há apenas uma hipótese de eu abrir mão de disputar o Senado em 2014: caso você queira disputar. Por respeito aos seus oito anos como Presidente da República, por já ter disputado uma prévia com você em 2002 e você ter ganhado por larga margem.

    Sempre observei que você acompanhou com grande interesse tudo o que se passa ali, pois sempre comentou conosco que costumava assistir à TV Senado. “Acredito que considere algo positivo tornar-se Senador”.

    Ass. Suplicy

Deixe uma resposta