NO OLHO DO FURICO DA GRANDE MÍDIA GLOBEIRA

Esta notícia que está transcrita logo a seguir, foi publicada n’O Globo, no dia 26 de março de 2018.

Ou seja, há pouco mais de um ano

Poucos dias depois, aconteceria o engaiolamento de Luiz Inácio, o maior corrupto da História do Brasil.

Vejam só a notícia:

O repórter do GLOBO Sérgio Roxo foi agredido por um segurança do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no início da tarde desta segunda-feira, enquanto fazia a cobertura de uma manifestação contrária ao petista em Francisco Beltrão , no interior do Paraná.

A agressão ocorreu na área externa do aeroporto da cidade, logo depois de Lula embarcar rumo a Foz do do Iguaçu, onde está programado um novo ato.

Me lembrei desta notícia quando vi este vídeo que está no final da postagem.

No vídeo, o mesmo repórter d’O Globo que levou as porradas do furioso bando de seguranças lulaicos – repórter que atende pelo nome de Sérgio Roxo e que ficou roxo de porradas -, foi entrevistado por Alan Santos, do programa Terça Livre.

Uma entrevista que aconteceu há poucos dias, no final de março.

Vejam só que cacetada bem dada:

3 pensou em “NO OLHO DO FURICO DA GRANDE MÍDIA GLOBEIRA

  1. Na verdade quem fazia entrevista era o Sérgio Roxo. O Alan dos Santos do Terça Livre é que deu uma invertida ao entrevistador.

    O que ficou no ar foi uma gagueira do Sérgio para justificar o injustificável, ou seja; ele apanhou dos brucutus do Lula e ficou por isso mesmo. Quando há uma reação natural de anti petistas contra todo o sistema, do qual o Terça Livre é um pequeno agente; Faz-se uma investigação para ver qual a grande mão que orquestra tudo isso.

    Eles ainda não entenderam nada do que acontece.

Deixe uma resposta