JOAQUIM MARQUES DE SOUZA – CUIABÁ-MT

Berto:

E o grande show do safado livre?

O que virou?

R. Meu caro, eu mesmo não sei de nada.

Não tive notícias do ajuntamento denominado “Lula Livre”.

Apenas recebi da uma leitora paulistana um flagrante do movimento “Deus me Livre”.

Este aqui:

Confesso a você que não cheguei a ver o noticiário da grande mídia oposicionista neste final de semana.

Talvez algum leitor fubânico possa nos dar notícia do bando amortadelado  que cagou, mijou e fumou maconha ontem na Praça da República.

Pela quantidade de artistas, pela importância e pelo talento dos cantores e grupos que iriam se apresentar, eu desconfio que a multidão lulo-petêlha-zisquerdal tenha sido incalculável, grandiosa, fantástica, piramidal.

4 pensou em “JOAQUIM MARQUES DE SOUZA – CUIABÁ-MT

  1. Putz!. Goiano escreveu sua coluna e nem tchum. Ou a mani infestação foi pífia ou foi muito pífia. Sem mortadela, trintinha e um sucuzinho ninguém vai. Vão ter que procurar muito para achar uma linha.

  2. Caro Joaquimfrancisco, daqui de longe só fiquei sabendo pela imprensa vendida tipo O Globo que foram 136 cidades se manifestando à base de muita mortandela, muita grosel, maconha e gente mijando no chão: manifestação tua boa; manifestação minha ruim.

  3. É algo impróprio crianças serem usadas apresentando preferências políticas de um lado ou de outro com o fim de fazer propaganda, porque elas não devem ter ainda a capacidade de discernimento a respeito dessas cousas. Amanhã ou depois elas entram para a universidade, já com pelos públicos criados, são cooptados pelos comunistas, e ficam putos:
    – Porra, que merda eu fiz!
    É o que vai acontecer nesse caso dessa fotinha fofa.

Deixe uma resposta