FILOSOFIA DE PARA-CHOQUE

“É melhor ficar atrás de um carro que não anda do que na frente de um caminhão que não para.”

“Quando eu te vejo o meu coração dispara e é pedaço de amor pra todo lado.”

“Navio imita tubarão; avião imita gavião; só meu caminhão não tem imitação.”

“Não importa o que os outros pensem, porque eles vão pensar de qualquer maneira.”

“A felicidade não é um destino onde chegamos, mas sim, uma maneira de viajar.”

“Um diamante é um pedaço de carvão que se saiu bem sob pressão.”

“O que o dinheiro faz por nós não é nada em comparação com o que a gente faz por ele.”

“Não há melhor momento do que hoje para deixar para amanhã o que não vai fazer nunca.”

“Deus pôde fazer o mundo em 6 dias porque não tinha ninguém perguntando quando ia ficar pronto.”

“Se for mudar algo, mude pela única pessoa por quem vale tal esforço: você mesmo!”

“Desde que o mundo é mundo, ninguém se convenceu ainda de que morrer é obrigatório.”

“Alguns amigos são como aves de arribação. Quando faz bom tempo eles vêm, quando faz mau tempo eles vão.”

“O homem que cala e ouve não dissipa o que sabe e aprende o que ignora.”

“Não sei se te guardo no banco, porque vales muito; na geladeira, porque és um doce, ou em uma ilha, porque és meu tesouro.”

“Não há melhor momento do que hoje para deixar para amanhã o que você não vai fazer nunca.”

“Casamento é uma soma de afetos, uma subtração de liberdades, uma multiplicação de problemas e uma divisão de bens.”

“Cavalo selado só passa uma vez. Quando passa, temos que agarrá-lo imediatamente.”

“As melhores coisas não custam nada e as piores nenhum dinheiro no mundo pode evitar.”

“Quem inventou a partida, não sabe o que é o amor. Quem parte, parte sem vida, quem fica morre de dor.”

“Se quem ama cuida, muita gente deve me amar. Porque o que tem de pessoas cuidando de minha vida, não é brincadeira.”

12 pensou em “FILOSOFIA DE PARA-CHOQUE

    • Maurício Assuero,

      Muito obrigado por seu valioso comentário nesse espaço democrático do Jornal da Besta Fubana. Aproveito a oportunidade para compartilhar três filosofias de para-choque com o prezado amigo:

      1) “Quem trabalha muito, erra muito.
      Quem trabalha pouco, erra pouco.
      Quem não trabalha, não erra.
      E quem não erra, é promovido.”

      2) “Não sou noticia ruim, mas ando muito e depressa.”

      3) “Quando teu indicador aponta para teu irmão, há sempre três dedos apontados para ti.”

      Saudações fraternas,

      Aristeu

  1. Postagem excelente, prezado Aristeu! Adoro essas frases de pára-choque de caminhão. A sabedoria popular está encravada nelas, Muita inteligência acumulada através dos tempos! Destaco:

    “Quem inventou a partida, não sabe o que é o amor. Quem parte, parte sem vida, quem fica morre de dor.”

    “Cavalo selado só passa uma vez. Quando passa, temos que agarrá-lo imediatamente.”

    Parabéns e um grande abraço! Uma ótima semana!

    Violante

    • Violante,

      Grato por seu comentário com observações interessantes sobre a filosofia de para-choque. Acho incrível o poder de síntese que encontramos nessas frases, algumas delas verdadeiras pérolas de sabedoria. Compartilho três frases filosóficas encontradas nos para-choques de caminhão com a prezada amiga:

      1) “Preguiça é o ato de descansar antes de estar cansado.”

      2) “É pelos buracos na rua que se conhece o prefeito e vereadores de uma cidade.”

      3)”Dizem que dinheiro é coisa do diabo; mas se quiser ver o diabo, ande sem dinheiro.”

      Saudações fraternas,

      Aristeu

      • Obrigada por compartilhar comigo essas três inteligentes frases de pára-choque, amigo Aristeu! Todas sábias e hilárias…

        Um abraço!

        Violante

  2. Fazia muito tempo que não lia filosofias de para-choque. Apreciei todas, entretanto a minha preferida é a seguinte: “O que o dinheiro faz por nós não é nada em comparação com o que a gente faz por ele.”

    • Vitorino,

      Agradeço o seu ótimo comentário. Quanto a frase escolhida, ela constitui uma realidade confirmada nos depoimentos de quem rouba muito e se declara viciado. O ladrão defende-se com o argumento de ser dependente do roubo desejando diminuir a pena por uma provável patologia. Parece piada, mas é verdade. Compartilho três filosofias de para-choque com o nobre leitor fubânico:

      1) “Em casa minha mulher é o governo; minha sogra, o ministro da defesa e eu o ministro da despesa.”

      2) “Seja dono de sua boca para não ser escravo de suas palavras!”

      3) “Mais valem as lágrimas da derrota do que a vergonha de não ter lutado.”

      Saudações fraternas,

      Aristeu

  3. Prezado Aristeu,
    Como sempre tua coluna no JBF nos dando bons artigos.Frases perfeitas de uma classe de trabalhadores que muitas vezes não tem o reconhecimento da sociedade em geral.Pois são eles que carregam o progresso de norte a sul.
    Escolhi para minha reflexão:
    “Alguns amigos são como aves de arribação. Quando faz bom tempo eles vêm, quando faz mau tempo eles vão.”
    Assim é !
    Grata!
    Carmen.

  4. Carmen,

    Grato por seu comentário com elogio a classe dos caminhoneiros. Eles levam o progresso aos mais distantes lugares do nosso imenso país, e possuem coragem para enfrentar os desafios de um país com o alto índice de violência. Compartilho três filosofias de para-choque com a prezada leitora:

    1) “Carrego toneladas de doce, mas minha vida é amarga.”

    2) “A diferença entre um credor e um devedor é que o primeiro tem uma memória muito melhor!”

    3) .”Não vou bem como quero nem mal como pensam.”

    Saudações fraternas,

    Aristeu

  5. Marcos Ribeiro,

    Muito importante sua observação sobre a autoria das filosofias de para-choque. É difícil confirmar a autenticidade, entretanto algumas são bastante conhecidas. Grato por seu importante comentário. Aproveito a ocasião para compartilhar três filosofias de para-choque:

    1) “Perca um minuto na vida, mas não perca a vida num minuto.”

    2) “Quando você não está feliz, é preciso ser forte para mudar, resistir à tentação do retorno. O fraco não vai a lugar algum.”

    3) “A cabeça manda, mas quem a leva pra onde quer é o pescoço.”

    Saudações fraternas,

    Aristeu

Deixe uma resposta para Aristeu Bezerra Cancelar resposta