1 comentário em “A COVARDIA DOS FALSOS VALENTES

  1. Ainda bem que contamos com os lúcidos comentários do José Nêumanne, desde que o atual governo demonstra absoluta ausência de aplomb no convívio com seus correligionários. E independente da atual crise com o quase ex-ministro e ex-presidente do partido que representou o candidato nas eleições, ainda estamos esperando as devidas explicações do outro filho do presidente. Assim não dá! Por outra, a Besta, que sempre anunciou-se como independente e oposicionista, quando e se necessário, precisa honrar a a palavra.

Deixe uma resposta