JOSÉ NÊUMANNE - DIRETO AO ASSUNTO

DEU NO JORNAL

INTIMIDADE DO CORRUPTO COM “JORNALISTAS” ZISQUERDISTAS

CARLOS EDUARDO GOMES - PENSAMENTO LIVRE

FILHOS ACIMA DE TODOS, DEUS CIMA DE TUDO

“Um outro tema que o senhor presidente gostaria de colocar um ponto final é essa pretensa discussão, entre o senhor vice-presidente e o vereador Carlos Bolsonaro que é filho do nosso presidente. […] Quanto aos seus filhos, em particular ao Carlos, o presidente enfatiza que ele sempre estará ao seu lado. […] E eu abro aspas para a frase “é sangue do meu sangue”, disse Rêgo Barros, porta voz da Presidência. (O Globo, 23/04)

O Presidente deixa claro que sempre estará ao lado dos filhos, porque “é sangue do meu sangue”. Isso quer dizer que o Brasil não está mais acima de todos? Ser presidente exige tomar posições, as vezes antipáticas e duras.

Lá vai o 02 e diz: “Começo uma nova fase em minha vida. Longe de todos que de perto nada fazem a não ser para si mesmos. O que me importou jamais foi o poder. Quem sou eu neste monte de gente estrelada?” Uma mensagem cifrada que alguém deve ter entendido, mas que não ajuda a esclarecer coisa nenhuma, nem colabora para unir esforços em torno dos grandes temas nacionais. Parece um desafio aos Generais, ou à um determinado General Vice-Presidente que incomoda muito aos Bolsonaro.

Astronauta Ministro Marcos Pontes sobre a privatização dos Correios: “É uma decisão importante que afeta dezenas de milhares de famílias e precisa ser feita de forma responsável e lógica, sem precipitação”.

O Secretário de Privatizações, Salin Matar – “Me apontem uma só estatal eficiente. Não existe”, ele próprio respondeu, ao acrescentar que empresas eficientes não precisam de monopólio, em uma referência à Petrobras. “Setenta por cento da receita dos Correios vem da entrega de pacotes. O Estado é dono de uma transportadora. Isso é absurdo”

O general Santos Cruz, ministro-chefe da Secretaria de Governo, deu entrevista a O Globo. Ele disse que o governo está entre a cruz e a espada no caso dos caminhoneiros. Santos Cruz também disse que “a ideologia de esquerda foi um câncer no Brasil da maneira como foi feita. O problema é o extremismo, é o fanatismo. Quando você fanatiza perde qualquer capacidade de análise. O problema não é ter gente de direita, gente de esquerda. A filosofia e ideias você pode discutir, o que eu condeno é o fanatismo, seja ele de um lado, seja ele do outro”.

Ministro Onyx Lorenzoni – “Já demos uma trava na Petrobras. Qualquer modificação de preço, no mínimo entre 15 e 30 dias, não pode ter menos que isso”, declarou Onyx ao caminhoneiro, dando a entender que o governo interveio na petroleira.

Tem muita confusão no Governo e isso tem preço. Toda expetativa positiva desde a eleição do Capitão, está se desgastando, mostrando que a sociedade e os investidores estrangeiros estão cautelosos quanto as promessas da campanha. No último pregão antes da votação do segundo turno, o IBOVESPA estava cotado em 84.000. Atingiu a cotação máxima de 100.000 (valorização de 19,4%) em 19/03. Diante dos desencontros e pouco envolvimento direto do Presidente com a Reforma da Previdência e no processo de privatizações, o conjunto de ações medidas pelo Índice desvalorizou, estando hoje em 94.000. O Dólar estava cotado a R$ 3,67 e hoje custa R$ 3,96. Desde a eleição de Bolsonaro e sem entender direito todo esse enrosco familiar/institucional os investidores estrangeiros retiraram R$ 9 bilhões das ações brasileiras. O crescimento econômico decepciona e o desemprego impressiona.

Na briga entre o mar e o rochedo, os brasileiros continuam sofrendo.

AUGUSTO NUNES

ESSA É BOA

A autocrítica de Lula consiste em criticar o governo de Jair Bolsonaro

“Vamos fazer uma autocrítica geral nesse país. O que não pode é esse país estar governado por esse bando de maluco que governa o país. O país não merece isso e sobretudo o povo não merece isso”.

Lula, na entrevista no interior de uma cadeia, revelando que a autocrítica do chefe do partido que protagonizou a maior roubalheira da história consiste em criticar o governo eleito por milhões de brasileiros decididos a expulsar do poder o partido que protagonizou a maior roubalheira da história.

 

COMENTÁRIO SELECIONADO

TODOS OS JUÍZES DO PLANETA ESTÃO ERRADOS

Comentário sobre a postagem FIM DO DESERTO, INÍCIO DA PICADA

Xico Bizerra:

O sentimento criativo dos gazeteiros dessa escrota Besta é inalcançável a olhos comuns: acaba-se de inventar o meio ladrão, aquele que roubou mas não tanto como afirmam as duas instâncias anteriores que o condenaram.

A terceira a fazê-lo reduziu um pouco a pena do acusado, mas referendou o entendimento dos tribunais anteriores que o julgaram, no seu mérito.

Defender o quê?

Com todo o respeito que me merece o Goiano, o meio negro, o meio ladrão, o meio filho da puta, o meio corrupto, o meio gay não existem: o cara é ou não é.

E ele é.

Ou estarão errados todos os juízes deste planeta?

GOIANO BRAGA HORTA - ARCO, TARCO E VERVA

DE RACHID A TURISMO SOCIAL E BALA NA CABEÇA

Quem mergulha nas profundidades do direito compreende que as acusações contra Lula e a condenação judicial, e mesmo a opinião popular e o posicionamento da imprensa, caminharam pelos meandros não específicos da teoria do domínio do fato.

As pessoas se perguntam: – Como Lula não podia saber do que se passava no andar de baixo? É claro que sabia. Tinha de saber. E se sabia é o responsável.
Neste momento, oferece-se a oportunidade de aplicar a mesma teoria a diversas situações que vêm ocorrendo no governo.

A principal delas refere-se ao conhecido “Rachid”, usado largamente nos mais diversos setores legislativos, das câmaras municipais à federal.

Anuncia-se a entrega de um boi-de-piranha no caso do filho do presidente a cujo respeito investiga-se a prática de empregar auxiliares mediante a entrega, por eles, de parte do seu salário ao empregador.

Caminha-se para, caso confirmado o abuso, seja o assessor principal responsabilizado pela encrenca.

Mas… e a teoria do domínio do fato, que, embora mal compreendida, tanto se desfralda?

Por quê, agora, os defensores da sagrada família advogam inocências usando o raciocínio de que quem fez a lambança foi o assessor e que o chefão não tem nada com isso?

Não tem de saber o que andava no andar de baixo?

E os pais, não são obrigados a saber se os filhos andam fazendo besteira e responsabilizados, também, por suas ações deletérias?

É por aí, dentre outras circunstâncias, que transita mesmo o tal do “lawfare”.

Ah, a que pode servir o mal uso do Direito…

Felizmente, para alguns, a tal teoria certamente não será aplicada a essa situação, não só porque ela pode ser mesmo uma boa porcaria, como para não complicar um governo que vai indo tão bem que oferece nossas mulheres ao turismo internacional.

E que apóia a idéia de meter uma bala na cabeça dos membros do Partido Comunista Brasileiro e do Partido Comunista do Brasil.

Além de na cabeça dos membros do Partido dos Trabalhadores, que segundo Bolsonaro caminhava para tirar a liberdade dos brasileiros, o que não quer dizer outra coisa.

Foge gente, que a extrema direita está solta!

DEU NO JORNAL

CHARGE DO SPONHOLZ

ANDERSON BRAGA HORTA - SONETO ANTIGO

À MODA ANTIGA

Eu lhe daria, à moda antiga, um beijo,
e, à moda antiga, ela enrubesceria.
Depois, tão longo o dia duraria
quão breve a noite para o meu desejo.

Serás a lira, amada (eu lhe diria,
todo imerso num sonho benfazejo);
serei o vento a desferir o arpejo.
Serei o sol… serás a cotovia.

Tu sorrindo em meus olhos, eu sorrindo
nos teus, e ambos ansiando, ambos fremindo
ao luar, sobre a relva, à moda antiga…

E a vida passaria tão de leve
que a continuaria a morte, em breve,
como uma doce e acolhedora amiga.

CÍCERO TAVARES - CRÔNICA E COMENTÁRIOS

OBRA-PRIMA DA NATUREZA

Essa jovem com esse capô de “wolkswagen” foi flagrada saindo do mictório do sítio “São Francisco”, que fica ao lado do galinheiro de galinha caipira, após uma festa regada à buchada de porco, mão de vaca, feijoada, sarapatel e cinqüenta e um, a cachaça do presidiário.

É uma verdadeira obra-prima da Natureza, de dar inveja a qualquer quadro saído da imaginação do quase maior pintor do mundo: Pablo Picasso. Abelardo da Hora iria suspirar emocionado, vivo fosse com tamanha ousadia in natura.

A dona dessa obra-prima preferiu esconder o rosto para o ambiente ficar mais psicodélico e os mais afoitos não cometerem crime de importunação libidinosa previsto no Código Penal Brasileiro caso a encontrassem na estrada do sítio.

Não é o capô da Mona Lisa de Da Vinci, tão pouco o da Morena da Montanha Russa de pelos pubianos, do pintor desconhecido carpinense que flagrou Maria Bago Mole obrando de cócoras por trás da touceira de capim santo, perto do cabaré de mesmo nome no século XIX, mas desperta o sentimento machista: ambição e desejos capazes de destruírem qualquer cabaré, aos que gostam da fruta, é claro.

Na hora da foto, o frege quase que ia à loucura com todo mundo bêbado forrozando ao som da música “Se Tu Quiser”, composição de Xico Bizerra interpretada magistralmente por Elba Ramalho e Almir Rouche, do DVD “Evoé Nabuco”, gravado no Pátio de São Pedro, Centro do Recife, em 2011.

Se gostar, deixe seu like.

Almir Rouche & Elba Ramalho cantando Se Tu Quiser, composição de Xico Bizerra, colunista do JBF, na gravação do DVD “Evoé, Nabuco”