E O AMOR SAIU PELA JANELA

Orlando Silveira

CENA I

– Sonhei que estava fazendo amor com você…
– Jura? E aí?
– Acordei suada, amedrontada. Um horror.

CENA II

– Seu ronco é insuportável.
– Eu sei. Em compensação, só solto “pum” no banheiro.

CENA III

– Se eu soubesse que você ficaria desse tamanho, juro, teria dito “não” ao padre.

CENA IV

– Como estou?
– Parecendo árvore de Natal.

CENA V

– Querido: se é verdade que você só me trai em pensamentos, me faça um favor: reze em casa. Vamos economizar muito dinheiro (da gasolina, do estacionamento, do pastor). Se agir assim, terá desde já meu profundo perdão.

Deixe o seu comentário

JACOB FORTES – BRASÍLIA-DF

PERGUNTAS DE UM BRASILEIRO IGNORANTE

Por que o “berço da liberdade”, o Estado de Minas Gerais, ao invés de permanecer encolhido, chorando os seus mortos em perpétuas melopeias fúnebres não pega no bisturi e dá um corte profundo; impõe medidas vigorosas que façam cessar as tragédias que sepultam vivos os seus filhos?

Quantos enxurros de cadáveres ainda precisam ser arrastados pelas borrascas de ondas avassaladoras e descomunais para que o governo de Minas Gerais desembainhe a espada e, no papel de reparador de afrontas e injustiças, lidere uma poderosa frente contra as negligências criminosas perpetrada pela Vale, cujos executivos, aliás, com cara de paisagem, apenas fingem nada ver e ouvir?

Continue lendo

1 Resposta

ISRAEL DEFENSE FORCES

Os babacas tem razão de estarem putos e babando ódio pelos cantos dos beiços.

As forças israelenses estão prestando um serviço inestimável aqui no Brasil e atuando com muita competência e bravura na tragédia que destruiu Brumadinho.

O trabalho da IDF tem amenizado a dor das famílias enlutadas.

Muito obrigado a vocês!

Deixe o seu comentário

MULTIDÃO DE DESOCUPADOS

No dia de ontem, quarta-feira, 30, tivemos a maior quantidade de leitores conectados simultaneamente, desde que este blog escroto foi criado.

Às 9:36 da manhã havia um total de 97 viciados dando expediente por aqui, segundo dados do nosso hospedeiro.

É gente que só a peste interessada em besteiras, inutilidades e coisas que não tem valor algum.

Vôte!!!

“Eu leio todos os dias. O Editor é uma besta, mas é muito lindo e fofo!!!”

Deixe o seu comentário

MAIS UM TABACUDO NO EXTERIOR

Celso Amorim está alugando seu apê com vista para a piscina do Copacabana Palace, no Rio.

Vai se mudar para Paris, reforçando a campanha internacional contra o governo de Jair Bolsonaro.

* * *

Como costuma dizer meu querido amigo Otacílio, grande filósofo de Palmares, “a diferença entre petista e bosta é que o petista fede bem mais”.

“Gunverno bom foi o dele. E o de Dilma!”

2 Comentários

COMENTÁRIOS (IV)

Três comentários sobre a postagem BRIGADÃO AOS AMIGOS FIEIS

Marcon Beraldo:

Cara

Fiquei conhecendo teu site e agora blog graças ao colunista Carlos Brickmann, meu ex-chefe na antiga Folha da Tarde (SP)

Desde então, não deixo um dia de visitar aqui este espaço arretado como vocês dizem aí em cima.

Você selecionou uma vez um comentário meu quando publicou o hino da maravilhosa cidade de Curitiba, e o destacou entre os principais comentários do mês.

Valeu cara

Força aí na literatura

* * *

Piá de bosta:

Caríssimo, estamos aqui, mais firmes que prego no angú !

Conte comigo !

* * *

Don Pablito

Papa Berto

Ficou muito “fofo” o novo nome do blog.

Continuo sendo teu leitor, pelo menos 2 vezes por semana.

Tenho viajado muito.

Continue firme detonando sempre quem mereça.

Chupicleide, secretária de redação deste blog escroto, toda feliz com os comentários dos nossos fiéis leitores

Deixe o seu comentário

IDADISMO

José Narcelio

Pouca gente está familiarizada com o termo que intitula esta matéria. Porém, ao lado do racismo e do sexismo é uma das três maiores formas de discriminação do mundo moderno: envelhecer sofrendo preconceito social. Talvez não percebamos, mas a segregação do idoso aumenta na proporção que avança a expectativa de vida de homens e de mulheres.

Numa sociedade que privilegia a juventude, a beleza, a velocidade e a tecnologia, pessoas com 60, 70, 80 ou 90 anos de idade tendem a ser marginalizadas em razão das limitações de suas aptidões físicas, mentais, sentimentais e até sexuais.

Não tratamos aqui de idosos acometidos de males que os incapacitam para as mínimas tarefas corriqueiras ou atividades que requeiram exercícios de raciocínio. Prendemo-nos àqueles habilitados, mental e corporalmente, excluídos por atingirem a idade limite tida como tabu.

Continue lendo

2 Comentários