UMA EXCELENTE PROMOÇÃO!

Tambaba é uma belíssima praia brasileira situada no município de Conde, litoral sul da Paraíba.

Fica a cerca de 30 km da capital, João Pessoa.

Uma praia de nudismo!!!

Tem cada lapa de tabaca pegando vento e molhando a pentelheira nas águas salgadas que é coisa mais lindo do mundo!

Um paraíso, um recanto encantado do Planeta Terra.

Pois lá em Tambaba é exercida a profissão de Segurador de Jegue.

O cabra fica segurando o jegue pras moças amontarem em cima dele, esfregando a priquita no lombo do jumento.

Tem quatro vagas pra Segurador de Jegue e eu sou amigo de Sitonho Bocão, proprietário da frota de jumentos.

A promoção é a seguinte:

O leitor deste blog que fizer mais divulgação e mais espelhar o endereço do Blog do Berto, vai ganhar uma destas duas vagas.

Promessa de um blogueiro de palavra!!!

Segurador de Jegue ajudando uma turista a se amontar-se no lombo do animal

FÃ CLUBE DE BANDIDO

Um grupo de parlamentares zisquerdóides visitou o bandido Cesare Battisti em novembro de 2009, quando ele estava enjaulado em Brasília.

Solidariedade entre facções.

Delego aos estimados leitores deste blog a tarefa de identificar cada um dos babacas que estão na foto abaixo:

RENAN NÃO! – Percival Puggina

Só um profundo respeito aos leitores, à democracia e à manifestação da vontade popular expressa no silêncio da urna – seja qual urna for – impede que este artigo inicie com impropérios. Confesso: vontade não faltou. Enfim, Renan Calheiros voltou ao Senado da República e, tão logo renovou o mandato, iniciou campanha para retomar a presidência da Casa.

Reeleito senador, Renan é problema alagoano; eleito presidente do Senado passa a ser problema nacional. Sua eleição ao posto entraria em profunda contradição com o desejo de desinfecção, de saneamento básico, de separação de material orgânico que o povo brasileiro manifestou nas eleições de outubro, e arma poderosa a serviço dos piores interesses que conspiram contra o novo governo.

Não sei quem foi o criador da expressão “extrema imprensa”, mas ela é perfeita para designar o coletivo dos meios de comunicação que operam como dedos das mãos e mãos dos braços da esquerda na imprensa nacional. Dado que para ela quem não é de esquerda é de extrema direita, parece adequado designá-la pelo nome de extrema imprensa. Dê, então, uma vasculhada no que tem sido dito pela extrema imprensa a propósito das pretensões do senador Renan. Veja se qualquer desses veículos apresentou algo sobre os 14 inquéritos a que responde o cidadão aspirante ao comando da Câmara Alta. Basta-lhe virar réu em qualquer deles para que, se eleito, volte a ser um presidente do Senado excluído da linha sucessória da presidência da República.

Beira ao escandaloso o fato de que sucessivas eleições e reeleições de Renan Calheiros para exercer o mesmo posto tenham dependido do sigilo do voto de seus colegas senadores, o que aponta o caráter obscuro dessas motivações. É uma espécie de voto inconfessável. Fica chato, pega mal, votar em Renan Calheiros. Sobre tudo cai o silêncio da extrema imprensa, mais preocupada com as visões de uma criança abusada, com a promoção de um funcionário de carreira do Banco do Brasil e temas dessa magnitude institucional.

Parece óbvio que se a extrema imprensa ainda mantivesse o controle do direito de opinião, se a sociedade só ficasse sabendo o que ela escolhe divulgar e só pudesse ouvir as opiniões por ela emitidas, o resultado eleitoral nacional de outubro último teria sido bem diferente. A renovação da cena política brasileira foi possibilitada pelos smartphones e pelas redes sociais, que democratizaram o direito de opinião e deram voz ao povo.

A situação se repete. Se tudo ficar como está, com o noticiário comandado pela mídia extrema, interessada em criar todos os problemas imagináveis ao governo, são grandes as possibilidades de que o senador alagoano presida o Senado pelos próximos dois anos. Somente uma intensa mobilização, ao longo das próximas três semanas, através das redes sociais, poderá evitar a eleição de Renan, constrangendo seus pares a tomarem juízo e vergonha. #RenanNão

ARAEL COSTA – JOÃO PESSOA-PB

Bom dia, caro Berto

Vício é uma coisa séria, mesmo sendo relativo a coisas agradáveis.

Já chafurdei os escaninhos da Internet e descobri sua nova localização, já devidamente inscrita na lista dos favoritos, do meu sistema.

Gostei da nova editoração ou “layout”, como gostam os eruditos, embora sentindo falta de muito daquilo que me viciara no Jornal da Besta.

Mas, como muitos outros leitores, irei me acostumando lentamente, com expectativa de que alguns diletos colaboradores não se abespinhem com a nova ordem e continuem a nos deleitar e informar, com seus escritos.

Aproveitando o contato e considerando a sua extrema e extensa convivência com os meios lítero-culturais de Pernambuco ouso pedir informação sobre a revista Continente, da qual sou ou fui assinante, estando já há certo tempo sem receber os exemplares correspondentes ou um aviso de vencimento da assinatura, o que me permitiria providências urgentes para renovação do compromisso.

Espero que não tenha acontecido o pior.

Saudações, as mais efusivas.

R. Meu caro, fico imensamente grato pela sua compreensão.

Sou grato a você e a todos os amigos, colunistas e leitores que compreenderam as razões que me levaram a diminuir significativamente a intensidade da rotina do JBF, que me ocupava durante todo o dia, para dedicar mais tempo à feitura do meu novo romance.

Sugiro ler novamente o que escreveu meu querido amigo Jessier Quirino sobre esta minha decisão.

Informo que este escroto Blog do Berto está no mesmo e antigo endereço do Jornal da Besta Fubana.

O domínio luizberto.com continua inalterado.

Quanto à consulta que você me fez sobre a revista Continente, publicada pela editora pernambucana Cepe, basta você entrar na página daquela publicação e saberá tudo que você quiser. É só clicar aqui .

Brigadão pela força e uma excelente semana!!

VOANDO RUMO AO XILINDRÓ

Esquerdistas idiotas (que redundância da porra!), montaram uma cena ridícula em frente ao STF contra a extradição do assassino Cesare Battisti.

Como esquerdista só faz, escreve e fala merda, protestaram mostrando o rego da bunda, através do qual eles enchem o mundo com a sua principal produção intelectual.

A esta altura, Battisti já está atravessando o Atlântico rumo à Itália, um país democrático que condenou o bárbaro terrorista à prisão perpétua.

Ele voa num jatinho mandado pelo governo italiano exclusivamente para buscá-lo na Bolívia e vai desembarcar em Roma na manhã desta segunda-feira.

O ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini, disse que vai aguardá-lo no aeroporto. Ele comemorou a prisão e publicou, no Twitter, fotos do italiano no avião.

Às 11:30 o assassino comunista Cesare Battisti chega à Itália. Eu vou pontualmente no aeroporto. Hoje é dia de JUSTIÇA em memória das vítimas deste criminoso, para suas famílias e para todos os italianos”, declarou o ministro no Twitter.

Teve um outro prisioneiro, um ex-presidente de Banânia que asilou Battisti quando governava este país, que lamentou e chorou muito ao saber da notícia do engaiolamento do seu cumpanhero de lutas e de ideologia.

Uma péssima viagem, seu bandido safado!

DELÍRIOS FELIZES – Xico Bizerra

Ponho no bolso da camisa meu porte de alma, junto à carteira do amor, e saio por aí, serelepe e fagueiro, atirando carinho e flores, preferindo estar amado a me utilizar de armas, quaisquer que sejam elas. Esqueço, por um instante, meus sérios poemas mentais. Estou são, pelo menos por enquanto. Hoje, quero apenas a mão que acaricia, o silêncio das palavras que acalma. Na boca do céu, dou um beijo no céu da boca da noite e delírios felizes vão se sucedendo na contemplação das estrelas, elas de mãos dadas, constelação estelar na ciranda dos céus. Assim que quero ser, assim quero viver: de sereno, de orvalho, de madrugadas se achegando silenciosas e inspiradoras. Do cheiro de uma flor e do sabor doce de um sapoti maduro, colhido no pé. De um livro, um soneto, um poema. Talvez até brote uma canção que a alguém encante ou que, algum dia, alguém cante lembrando um grande amor ou a saudade de seu bem-querer.

(Toda a série FORROBOXOTE, Discos e Livros, está disponível para compra no nosso site Forroboxote, link BODEGA. E o frete é por nossa conta)